Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Após negativa de Alfaro, Vasco age rápido e faz oferta por Ramón Díaz

    Gigante da Colina pretende fechar contrato até o final de 2024 com treinador argentino

    Treinador argentino estava no Al-Hilal, da Arábia Saudita
    Treinador argentino estava no Al-Hilal, da Arábia Saudita Etsuo Hara/Getty Images

    Guilherme Abrahãoda Itatiaia

    O Vasco agiu rápido dessa vez e encaminhou a contratação do técnico argentino Ramón Díaz para comandar o clube. Se fechar, o vínculo do treinador vai até o final de 2024. Assim como com Gustavo Alfaro, ele recebeu a promessa de reforços para a sequência da Série A do Campeonato Brasileiro.

    Ramón já havia sido procurado nas últimas semanas, mas inicialmente a proposta não tinha agradado e o treinador ficou descartado naquele momento. O Vasco utilizou todos os esforços para contratar outro argentino, Gustavo Alfaro, mas a situação do clube no Brasileiro pesou contra.

    Além disso, Alfaro analisou o elenco cruz-maltino como abaixo do que espera para subir na tabela e preferiu não aceitar a oferta, mesmo sendo considerada boa financeiramente. Em paralelo a isso, o Vasco procurou novamente Díaz e fez a mesma oferta.

    O argentino aceitou, e falta apenas a assinatura do contrato. O acerto foi divulgado primeiro pelo repórter César Luís Merlo e confirmada pela reportagem da Itatiaia, com fontes dentro do clube.

    Equipe completa deve chegar

    Díaz chegará ao clube com toda sua comissão técnica, incluindo o filho, Emiliano Díaz, homem de confiança.

    Ainda não foi confirmado, mas a tendência é que venham junto também, além de Emiliano Díaz (auxiliar), Osmar Ferreyra (auxiliar), Jorge Pidal (preparador físico), Damián Paz (analista de desempenho) e Juan Nicolás Rommannazi (analista de desempenho).

    Novos reforços

    Além disso, o Vasco pretende contratar mais três reforços para o novo técnico, em especial um meia de criação, principal prioridade. Um lateral-esquerdo, um volante e um centroavante ainda estão em pauta.

    Para o ataque, o clube segue negociando com Lucas Pratto, ex-Atlético-MG e São Paulo, e hoje sem clube.

    Carreira

    Fracasso no Botafogo e sucesso na Arábia, Ramón Díaz é um velho conhecido do futebol brasileiro, em especial do futebol carioca. Ele treinou o Botafogo em 2020, mas foi demitido sem sequer estrear pelo Glorioso.

    Com problemas de saúde, o profissional precisou ficar afastado por muito tempo, o que adiou a estreia. Emiliano ficou no cargo. Mesmo assim, a passagem da dupla durou apenas três jogos, sem nenhuma vitória. Ao final daquele Brasileiro, o Alvinegro foi rebaixado.

    Já com a saúde melhor, Ramón Díaz foi anunciado pelo Al Hilal-ARA e pôde treinar a equipe e fazer sucesso. Conquistou o Campeonato Saudita e a Copa do Rei local com a equipe e ainda levou os árabes à final do Mundial de Clubes do ano passado, eliminando o Flamengo.

    Na grande decisão, acabou sendo derrotado pelo Real Madrid-ESP, ficando com o vice-campeonato.

    Ramón Díaz apareceu para o futebol como treinador em 1996, quando faturou a Copa Libertadores à frente do River Plate-ARG e a Supercopa da Libertadores, no ano seguinte.

    Ele ainda venceu cinco vezes o Campeonato Argentino com o River, e uma vez com o San Lorenzo. Díaz treinou a seleção do Paraguai também para a Copa do Mundo de 2006, na Alemanha, mas sequer avançou de fase. A Celeste não participou do torneio naquele ano.

    O argentino ainda trabalhou no América-MEX, no Oxford-ING, no Independiente-ARG, Pyramids-EGI, Al Ittihad-ARA, Libertad-PAR e Al Nasr-EAU.

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original