Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Neymar no Al-Hilal: camisa 10 é reservada, e atacante chega esta semana à Arábia Saudita

    Jornalista italiano afirmou que o Paris Saint-Germain vai receber cerca de 100 milhões de euros pelo atacante

    Neymar em comemoração pelo PSG em amistoso contra o Jeonbuk Hyundai no Busan Asiad Stadium, em Busan, na Coreia do Sul
    Neymar em comemoração pelo PSG em amistoso contra o Jeonbuk Hyundai no Busan Asiad Stadium, em Busan, na Coreia do Sul Chung Sung-Jun/Getty Images

    Da CNN

    O jornalista Fabrizio Romano, especializado em transferências, publicou nesta segunda-feira (14) que Al-Hilal e Paris Saint-Germain entraram em um acordo para a ida de Neymar ao clube árabe. A equipe francesa vai receber cerca de 100 milhões de euros (R$ 537 milhões).

    Ainda segundo Romano, o atacante vai vestir a camisa número 10 do Al-Hilal. O contrato será válido por duas temporadas.

    No último domingo (13), o apresentador Benjamin Back, da CNN Brasil, já havia cravado o acerto entre os clubes. Benja informou ainda que Neymar deve fazer exames médicos nesta segunda e chegará na Arábia Saudita entre quarta (16) e quinta-feira (17).

    Segundo o jornal francês L’Équipe, o brasileiro vai receber um total de 160 milhões de euros (cerca de R$ 861 milhões) pelos dois anos de vínculo.

    Nos últimos dias, a imprensa francesa noticiou que Neymar já havia sido informado pelo técnico Luis Enrique que estava fora dos planos do PSG para a temporada.

    Estreia na Ligue 1

    O PSG estreou no Campeonato Francês neste sábado (12), sem a presença de Neymar. Conforme informado pelo clube, o atacante ficou fora da partida por conta de uma virose. Mbappé, que estava em conflito com a diretoria, também não foi relacionado, mas foi reintegrado ao time principal neste domingo (13).

    Por outro lado, o italiano Marco Verratti, outro que está na lista de negociáveis, também ficou fora do primeiro jogo da temporada. Na partida, o PSG empatou em 0 a 0 com o Lorient.

    Al-Hilal

    Também neste sábado (12), o Al-Hilal — comandado por Jorge Jesus — decidiu o título da Copa dos Campeões Árabes diante do Al-Nassr, que saiu vitorioso do confronto. Michael, ex-Flamengo, abriu o placar do jogo. Cristiano Ronaldo entrou em ação e marcou os dois gols que decidiram o título para o Al-Nassr.


    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas