Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Heroína da Espanha na Copa do Mundo Feminina descobre morte do pai após a final

    Olga Carmona marcou o gol contra a Inglaterra que deu à seleção espanhola seu primeiro título mundial no feminino

    Rocío Muñoz-Ledoda CNN

    A lateral-esquerda Olga Carmona, autora do gol que deu à Espanha o título da Copa do Mundo Feminina, soube logo após a final contra a Inglaterra, neste domingo (20), da morte de seu pai.

    “Enviamos o nosso mais sincero abraço a Olga e a sua família neste momento de profunda dor. Nós te amamos, Olga”, disse a Real Federação Espanhola de Futebol em um comunicado.

    O gol de Carmona aos 29 minutos de partida deu a vitória por 1 a 0 à Espanha, que se tornou o segundo país, depois da Alemanha, a vencer Mundiais tanto no masculino quanto no feminino. Entre os homens, o país já havia sido campeão do mundo em 2010, na África do Sul.

    Após marcar, Carmona ergueu a camisa da seleção espanhola na comemoração e revelou uma outra camiseta por baixo, com uma mensagem. Após a partida, ela explicou que fez isso para homenagear a mãe de sua melhor amiga, que faleceu recentemente.

    O Real Madrid, clube onde joga a lateral-esquerda de 23 anos, também se pronunciou por meio de um comunicado oficial.

    “O Real Madrid, o seu presidente e o seu Conselho de Administração lamentam profundamente a morte do pai da nossa jogadora Olga Carmona”, disse o clube. “O clube gostaria de expressar suas condolências e carinho para Olga, sua família e todos os seus entes queridos. Descanse em paz.”

    Acompanhe CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em espanhol.

    versão original