Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Palmeiras é campeão em arrancada heroica e conquista seu 12º título do Brasileiro

    Endrick marcou o gol do empate por 1 a 1 com o Cruzeiro nesta quarta (6), no Mineirão

    Bruno Rodriguesda CNN

    O Palmeiras é duodeca campeão! A equipe do técnico Abel Ferreira empatou com o Cruzeiro por 1 a 1 nesta quarta-feira (6), no Mineirão, pela 38ª rodada do Campeonato Brasileiro, e confirmou o bicampeonato consecutivo e o 12º título do Nacional na história do clube.

    Endrick, grande nome da arrancada palmeirense na reta final, marcou o gol alviverde e Nikão deixou tudo igual. Foi o 11º do atacante de 17 anos no campeonato, em uma campanha que será lembrada principalmente pelos dois gols que marcou na virada histórica sobre o Botafogo, por 4 a 3, no Estádio Nilton Santos.

    Com o título, Abel Ferreira conquista o seu nono título pelo Verdão, ultrapassando Vanderlei Luxemburgo e se isolando como o segundo técnico mais vencedor do Palmeiras, atrás apenas de Oswaldo Brandão, que foi campeão dez vezes.

    Após a eliminação na semifinal da Copa Libertadores, para o Boca Juniors, o time do treinador português entrou no seu pior momento da temporada. Fora do torneio continental, via o Botafogo com ampla vantagem no Brasileirão e uma mão na taça.

    Abel Ferreira, inclusive, foi criticado por boa parte dos torcedores por não colocar Endrick como titular no jogo de volta contra o Boca, no Allianz Parque.

    Apesar da resistência do treinador, que relutou em escalar o jovem atacante, o menino criado nas categorias de base alviverdes mostrou que a aposta por tê-lo entre os titulares valeria a pena.

    No dia 1º de novembro, o Palmeiras perdia por 3 a 0 do Botafogo no intervalo. Foi dos pés de Endrick — e das mãos de Weverton, que defendeu penalidade de Tiquinho Soares quando o placar marcava 3 a 1 para os cariocas — que o Verdão buscou forças para reagir. Com dois gols do camisa 9, Flaco López e Murilo balançaram as redes para virar a partida e reendereçar o campeonato a favor dos palmeirenses.

    De lá para cá, aproveitando-se da derrocada botafoguense, a equipe de Abel Ferreira somou cinco vitórias em sete partidas para assumir a ponta da tabela e confirmar o bicampeonato nacional.

    Este é o primeiro bi consecutivo do Palmeiras no Campeonato Brasileiro desde a dobradinha em 1993 e 1994. Mais uma taça para a galeria de Abel Ferreira, com a assinatura de um garoto de 17 anos chamado Endrick.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas