Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Santos abre 2 a 0, mas Botafogo empata na reta final e abre 11 pontos na liderança

    Gols do líder do Brasileirão saíram a partir dos 39 minutos do segundo tempo

    João Lucas e Tiquinho Soares disputam bola na Vila Belmiro
    João Lucas e Tiquinho Soares disputam bola na Vila Belmiro Ricardo Moreira/Getty Images

    Luccas Oliveirada CNNMateus Pinheiroda Itatiaia

    Em mais uma prova de força na temporada, o Botafogo se recuperou de uma desvantagem de 2 a 0 no placar contra o Santos e saiu da Vila Belmiro com um ponto precioso, neste domingo (23). Os gols do líder saíram a partir dos 39 minutos do segundo tempo.

    Com o empate, o Botafogo aumenta sua vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro, que é agora de 11 pontos em relação ao Grêmio, atual vice-líder. E chega a onze jogos sem derrota contando ainda a Sul-Americana.

    Sem público na Vila Belmiro, e contando com os reforços Dodô e Jean Lucas, o Santos abriu 2 a 0 com dois gols do atacante Marcos Leonardo, um em cada tempo.

    O segundo, inclusive, saiu aos 36 minutos do segundo tempo e parecia que tinha garantido a vitória do Peixe. Mas, valente, o Botafogo marcou com Tiquinho Soares aos 39 e Adryelson aos 42, e garantiu o empate.

    O Santos, então, perde a chance de ficar a cinco pontos de distância da zona de rebaixamento, ficando agora a apenas três.

    Como foi o jogo

    O duelo começou com domínio do Botafogo, como era de se esperar ainda mais sem presença de torcida na Vila Belmiro. Sem armadores de ofício, o Fogão não conseguiu criar chances reais, e viu o domínio se desfazer quando Jean Lucas, nome do jogo, achou passe açucarado para Marcos Leonardo.

    A segunda etapa, de pouca emoção até os 30 minutos, terminou de maneira inesperada, com “testes para cardíaco”. O Santos abriu 2 a 0 com mais um gol de Marcos Leonardo em jogada de Lucas Lima, mas viu o Botafogo diminuir com Tiquinho Soares, aos 38 minutos, e empatar com Adryelson, aos 42.

    O gol de vantagem deixou o Santos postado na defesa por toda segunda etapa. Mesmo se lançando ao ataque, o time montado por Bruno Lage sentiu falta do lesionado Eduardo e pouco conseguiu agredir com chances reais até os 20 minutos finais, quando protagonizou a reviravolta.

    O resultado mantém o Botafogo na liderança com 11 pontos de vantagem para o Grêmio, e o Santos na 17ª colocação que começou, com 17 pontos.

    Próximos compromissos

    O Santos volta a campo no próximo sábado (29), também contra cariocas. O time joga no Maracanã contra o Fluminense, pela 17ª rodada do Brasileirão, às 16h (de Brasília).

    Já o Botafogo, líder do campeonato, recebe o Coritiba no Estádio Nilton Santos no domingo (30). O jogo está marcado para 16h (de Brasília).

    Santos 2 x 2 Botafogo

    Santos: João Paulo (Vladimir, 16min 2ºT); João Lucas (Alex, 41min 2ºT), Joaquim, Messias, Dodô (Gabriel Inocêncio, 27min 2ºT); Dodi, Rodrigo Fernandez, Jean Lucas (Luan Dias, 27min 2ºT), Lucas Lima; Mendoza e Marcos Leonardo (Deivid Washington, 41min 2ºT).

    Técnico: Paulo Turra.

    Botafogo: Lucas Perri; Di Plácido (Lucas Fernandes, 41min 2ºT), Philipe Sampaio, Adryelson, Marçal; Marlon Freitas, Danilo Barbosa (Janderson, 21min 2ºT), Tchê Tchê (Lucas Fernandes, ; Júnior Santos (Matiás Segovia, 1min 2ºT), Luis Henrique (Victor Sá, 40min 1ºT) e Tiquinho Soares.

    Técnico: Bruno Lage.

    Gols: Marcos Leonardo (24 min 1ºT); Marcos Leonardo (36min 2ºT), para o Santos; Tiquinho Soares (38 min 2ºT); Adryelson (42min 2ºT), para o Botafogo

    Cartões amarelos: João Lucas (18min 1ºT); Jean Lucas (25min 2ºT); Alex (46 min 2ºT) do Santos; Adryelson (25min 2ºT); Marçal (30min 2ºT); Segovia (44min 2ºT), do Botafogo.