Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    CNN Esportes

    Técnico é preso no vestiário minutos antes de clássico no Maranhão

    Marcinho Guerreiro foi detido por falta de pagamento de pensão alimentícia

    Marcinho Guerreiro foi preso minutos de partida pelo Estadual
    Marcinho Guerreiro foi preso minutos de partida pelo Estadual Divulgação/Moto Club

    Hugo Lobãoda Itatiaia

    Técnico do Moto Club, Marcinho Guerreiro foi preso na noite desta quarta-feira (17), minutos antes da partida contra o Imperatriz, no estádio Frei Epifânio. O treinador chegou a participar da preleção e do aquecimento de sua equipe, mas foi detido no vestiário antes de a bola rolar.

    O profissional de 45 anos foi levado à Delegacia de Polícia Civil de Imperatriz e teve prisão de 60 dias decretada pelo não pagamento de pensão alimentícia.

    Em nota, o Moto Club informou que não tinha ciência de nenhum problema envolvendo Marcinho Guerreiro. O clube ainda disse que tomará as medidas cabíveis.

    “Diante do ocorrido com o técnico Marcinho Guerreiro, o Moto Club informa que não tinha ciência de qualquer situação envolvendo o técnico e que, após apuração de todos os fatos, tomará as medidas cabíveis”.

    Dentro de campo, o Imperatriz levou a melhor no clássico, válido pela segunda rodada do Campeonato Maranhense. Com gols de Brunão, Wellington Júnior e Guilherme Gomes, o Imperatriz venceu o duelo por 3 a 1. Geovani fez o único gol do Moto Club.

    Acompanhe a CNN Esportes em todas as plataformas

    Este conteúdo foi criado originalmente em Itatiaia.

    versão original