'Rambo da Floresta', que rendeu policiais e fugiu com armas, é preso na Alemanha

Busca foi tratada como caso de emergência psiquiátrica e aconteceu em Oppenau, no sudoeste da Alemanha

Da CNN
17 de julho de 2020 às 15:42

Depois de cinco dias de buscas em uma megaoperação que chegou a reunir 400 agentes, a polícia alemã prendeu nesta sexta-feira (17) Yves Etienne Rausch, que está sendo chamado de "Rambo da Floresta". O homem de 31 anos era procurado desde domingo (12) após reagir a uma abordagem, render os policiais e fugir com as armas deles. 

Rausch estava escondido em uma região de mata densa na chamada Floresta Negra, na região da cidade de Oppenau, no sudoeste da Alemanha. Segundo a polícia alemã, como ele morava em uma cabana na região, Rausch conhecia com precisão o terreno.

Leia também:

Países acusam hackers russos de ataque virtual a centros de pesquisa da Covid-19
Obra pré-histórica de mineração é encontrada em cavernas submersas do México

Ele foi encontrado após um trabalhador dos correios avisar a polícia que tinha visto uma pessoa com as mesmas características. Com o alemão, a polícia apreendeu as quatro armas que ele roubou dos policiais. 

A história teve início na manhã do último domingo (12), quando moradores da cidade viram o homem circulando com um arco e flecha. Policiais foram até a cabana dele, localizada na floresta, mas acabaram sendo rendidos e desarmados pelo homem, que fugiu em seguida.

Em nota, a polícia local informou que as buscas estão focadas em cavernas, bunkers antigos e prédios abandonados na Floresta Negra. O homem já foi condenado por ter ferido a namorada com um tiro de arco e flecha. 

Tratado como um caso de emergência psiquiátrica, o episódio atraiu atenção da imprensa internacional, que passou a chamar o homem pelo apelido dado pela mídia local – uma referência ao personagem principal da franquia de filmes de ação estrelada pelo ator Sylvester Stallone.