Para professora, desafio de Biden será se conter diante das provocações de Trump

Denilde Holzhacker relembra histórico de irritação do candidato democrata

Da CNN, em São Paulo
29 de setembro de 2020 às 18:52

Um dos principais desafios do candidato democrata à presidência dos EUA, Joe Biden, será lidar com as provocações de seu adversário, o republicano Donald Trump, no primeiro debate entre os dois. A avaliação é da professora de relações internacionais da Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), Denilde Holzhacker. 

"Biden tem muita experiência em participar de debates. Ele foi vice-presidente e senador. Mas ele também tem um histórico de se irritar e levar para o pessoal", falou. "Então, ele vai precisar se conter porque Trump vai tentar colocá-lo na defensiva e irá atacá-lo para que ele possa perder o senso e entrar num espírito mais emocional”, afirmou, em entrevista à CNN.

Assista e leia também:

Checagem de fatos: 10 distorções recorrentes de Trump para se atentar no debate

Trump deve focar em segurança em primeiro debate com Biden, projeta professor

CNN Brasil e a CNN americana irão transmitir simultaneamente o debate, a partir das 21h45 (horário de Brasília). Em parceria com a CNN Brasil, o portal UOL retransmitirá o evento.

Será possível acompanhar o debate pela CNN na TV, pelo canal 577 nas maiores operadoras de TV paga: Claro/NET, Sky, Oi e Vivo Fibra. Para outras operadoras, consulte a lista oficial com a numeração.

Também será possível ainda assistir ao vivo pelo site da CNN Brasil e em seus perfis no Facebook e no Twitter

O evento será realizado na cidade de Cleveland, em Ohio. A eleição presidencial americana está marcada para 3 de novembro.

(Edição: Leonardo Lellis)