Cerca de 140 mil pessoas já foram vacinadas contra a Covid-19 no Reino Unido

Na última terça-feira (8), o país se tornou o primeiro do mundo a iniciar a vacinação contra o novo coronavírus

Giulia Alecrim*, da CNN, em São Paulo
16 de dezembro de 2020 às 07:53
Vacinação no Reino Unido contra o novo coronavírus
Vacinação no Reino Unido contra o novo coronavírus
Foto: Reuters

Aproximadamente 140 mil pessoas já receberam a vacina da Pfizer/BioNTech para a Covid-19 no Reino Unido, informou o Ministro de Negócios e Indústria e Implantação da Vacina no país, Nadhim Zahawi, nesta quarta-feira (16).

“Um bom começo para o programa de vacinação. Já se passaram 7 dias e na Inglaterra: 108.000 pessoas já foram vacinadas, no País de Gales foram 7.897, na Irlanda do Norte 4.000 e, por fim, na Escócia 18.000, totalizando 137.897 no Reino Unido. Esse número vai aumentar à medida que operacionalizamos centenas de PCN (redes de atenção primária)”, informou o ministro em uma rede social.

Leia também:
Mutações já detectadas não alteram eficácia de vacinas contra Covid-19
Pazuello promete vacinação no Brasil 5 dias após aval da Anvisa e estoque disponível
Vacinas da Pfizer e da Moderna funcionam como mensagem do Snapchat; entenda

Na última terça-feira (8), o Reino Unido se tornou o primeiro país do mundo a iniciar a vacinação contra o novo coronavírus, bem como o primeiro a conceder aprovação de uso emergencial no dia 2 de dezembro.

Margaret Keenan, uma britânica de 90 anos, foi a primeira pessoa no mundo a receber a vacina da Pfizer contra a Covid-19, fora de um ensaio clínico. Keenan recebeu a injeção em um hospital em Coventry, no centro da Inglaterra.

A primeira fase de vacinação prioriza pessoas acima de 80 anos, profissionais do sistema de saúde, sob maior risco, e funcionários de casas de repouso.

O Reino Unido é o segundo país da Europa que registra o maior número de casos da doença: são mais de 1 milhão e 800 mil infecções e 65 mil vítimas.

(Sob supervisão de Paloma Souza)