Jogo de tabuleiro sobre o coronavírus criado por 4 irmãs faz sucesso na Alemanha

Até quatro jogadores competem para tentar comprar todos os mantimentos para um vizinho idoso que está isolado para se proteger contra a Covid-19

Reuters
22 de dezembro de 2020 às 10:38 | Atualizado 24 de dezembro de 2020 às 13:47

 

Durante o primeiro lockdown contra Covid-19 na Alemanha as quatro irmãs Schwaderlapp decidiram fazer bom uso de suas longas horas dentro de casa e inventaram um jogo de tabuleiro sobre o novo coronavírus que já vendeu milhares de unidades.

"Corona" pode ser jogado por até quatro jogadores, que competem para obter todos os mantimentos de uma lista de compras para um vizinho idoso que está isolado para se proteger contra o vírus.

Os jogadores coletam e trocam as cartas do jogo, e o vencedor é aquele que entregar todos os itens primeiro. Os obstáculos ao longo do caminho incluem encontrar o vírus, que o coloca em quarentena, ou descobrir que os outros já abocanharam todas os pacotes de macarrão ou rolos de papel higiênico.

Assista e leia também:
Alemanha tem mais uma candidata a vacina contra Covid-19, além de Pfizer e IDT
Covid-19: Alemanha vai adotar medidas de restrição mais duras

"O princípio básico é o da solidariedade", disse Sarah, de 20 anos, a partir de sua casa na cidade de Wiesbaden, no oeste do país.

"Mas cada um dos jogadores pode decidir cooperar com os outros ou tornar as coisas mais difíceis para eles bloqueando seu caminho com vírus", completou.

As irmãs trabalharam no jogo quase todas as noites durante o lockdown da primavera (do Hemisfério Norte), gradualmente incorporando mais elementos das notícias sobre a pandemia.

Objetivo é obter todos itens de uma lista de compras para um vizinho idoso que está isolado
Foto: Reuters

“Essa foi a inspiração para a possibilidade de acumular itens. Depois, vimos sobre os shows na varanda na Itália e transformamos isso em uma carta de baralho também”, acrescentou outra irmã, Rebecca.

Impressionado com os esforços das filhas, o pai Benedikt Schwaderlapp decidiu comercializar o jogo contratando um artista para desenhar cartões, tabuleiro e caixa.

Até agora, ele vendeu 2.000 cópias e assinou contrato com uma loja de brinquedos como distribuidor secundário.

"Como o jogo ficou popular, é um grande desafio para nossa operação familiar – embalar e enviar 500 jogos em um período muito curto", disse ele. "A demanda tem sido enorme em toda a Alemanha."

Até agora, o jogo do Coronavírus já vendeu mais de 2.000 cópias e tem feito sucesso em todo a Alemanha
Foto: Reuters