Discurso de posse de Biden pautou muito a ideia de unidade, diz professora

As cantoras Lady Gaga e Jennifer Lopez se apresentaram na cerimônia de posse do presidente dos Estados Unidos

da CNN, em São Paulo
20 de janeiro de 2021 às 16:41


A coordenadora do curso de Relações Internacionais da Fundação Armando Alvares Penteado (FAAP), Fernanda Magnotta, analisou, em entrevista à CNN nesta quarta-feira (20), o discurso de Joe Biden logo após ele ser empossado como o 46º presidente dos Estados Unidos

“O discurso de posse pautou muito a ideia de unidade, e mesmo o não dito. Se olharmos para as escolhas musicais, autoridades, convidados, foi uma cerimônia que, assim como o próprio gabinete do Biden, procura trazer uma mensagem de diversidade”, disse. “Essa mensagem é muito importante em um contexto de polarização dos Estados Unidos", afirmou a professora.

Joe Biden durante discurso de posse
Joe Biden durante discurso de posse
Foto: Reprodução (20.jan.2021)

A docente também avaliou como Donald Trump deixou o poder. “Trump sai hoje da Casa Branca com a menor aprovação de todo o seu mandato, sobretudo depois do acontecimento do dia 6 de janeiro [a invasão do Capitólio], com 29%”, explicou.

Já 64% dos eleitores, a princípio, têm uma opinião favorável do que ele representa, e 57% aprovam as escolhas de gabinete.”

Lady Gaga e Jennifer Lopez

As cantoras Lady Gaga e Jennifer Lopez se apresentaram na cerimônia de posse de Joe Biden. Gaga foi a escolhida para cantar o hino nacional dos Estados Unidos. Ela usou um vestido nas cores preta e vermelha com um broche dourado.

Toda de branco, Jennifer Lopez foi conduzida até o púlpito e soltou a voz com "This Land Is My Land" e, em espanhol, no meio da música, mandou uma mensagem.

"Uma nação, sob Deus, indivisível, com liberdade e justiça para todos", pediu.

Pouco antes, Lady Gaga cantou o hino nacional dos Estados Unidos e se emocionou. Ela já participou com Biden de palestras e de uma campanha contra o assédio sexual.

(Publicado por Daniel Fernandes)