Tempestade de neve força Nova York a fechar locais de vacinação contra Covid-19

Tempestade de inverno, que impactou atividades em aeroportos em Nova York, também interrompeu campanha de vacinação contra a Covid-19

Por Mariana Catacci, da CNN*
02 de fevereiro de 2021 às 00:10 | Atualizado 02 de fevereiro de 2021 às 11:36


Cinco locais de vacinação contra a Covid-19 no estado de Nova York serão fechados nesta terça-feira (2) devido à tempestade de inverno que atingiu a costa leste dos Estados Unidos nesta segunda-feira. Na tarde de hoje, Bill de Blasio, prefeito da capital, anunciou a interrupção da campanha de vacinação, afirmando que não seria seguro se locomover pela cidade.

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, assegurou à imprensa que “todos os agendamentos serão remarcados quando as condições forem mais seguras."

Além do impacto na aplicação das vacinas contra o novo coronavírus, a tempestade também interrompeu as atividades em dois de três aeroportos internacionais da cidade de Nova York. Todos os voos comerciais no Aeroporto LaGuardia e no Aeroporto John F. Kennedy foram cancelados nesta segunda, anunciou o New York City Emergency Management.

 

Tempestade de neve
Homem limpa rua de Nova York em meio a tempestade de neve que atinge costa leste dos EUA
Foto: Kevin P. Coughlin/Office of Governor Andrew M. Cuomo

A Amtrak, empresa transporte ferroviário de passageiros dos Estados Unidos, comunicou que suspendeu o serviço entre as cidade de Nova York, Boston e Albany, devido a outras paralisações de serviço decorrentes da tempestade. O serviço ferroviário de passageiros também continuará operando apenas em rotas selecionadas no nordeste do país na terça-feira.

A queda de neve, que começou na noite de domingo, aumentou de intensidade durante o dia, e as taxas de neve podem chegar a 5 a 7 centímetros por hora. Isso poderia criar condições de visibilidade zero e tornar a viagem muito perigosa.

A autoridade de trânsito da cidade de Nova York suspendeu o serviço de metrô ao ar livre na tarde de hoje. Os ônibus ainda estão operando, mas a cidade e o estado monitoram a situação de perto.

A tempestade ainda afetou as cidades de Boston, que emitiu um alerta de emergência, e Filadélfia.

* Sob supervisão de Evelyne Lorenzetti