Forças dos EUA no Iraque são atingidas por foguetes; civil é morto

Das nove outras pessoas feridas, oito eram civis que prestavam serviço e um era membro do serviço dos EUA

John Davison e Ahmed Rasheed, da Reuters
16 de fevereiro de 2021 às 11:09 | Atualizado 16 de fevereiro de 2021 às 22:58

Um ataque de foguetes contra as forças lideradas pelos Estados Unidos no norte do Iraque matou um civil prestador de serviços na segunda-feira (15), no ataque mais mortal deste tipo em quase um ano, disse a coalizão dos EUA no Iraque.

Os foguetes caíram em uma base aérea militar operada pela coalizão no Aeroporto Internacional de Erbil, e nos arredores dela.

O porta-voz da coalizão escreveu no Twitter nesta terça-feira que o civil morto não era americano, mas não forneceu detalhes. Ele disse que três foguetes de 107 milímetros caíram na base.

Medidas de segurança são tomadas ao redor do local onde caíram os foguetes
Foto: Getty Images

Das nove outras pessoas feridas, oito eram civis que prestavam serviço e um era membro do serviço dos EUA, disse o porta-voz da coalizão. Uma autoridade dos EUA que não quis se identificar disse que o norte-americano atingido teve uma concussão.

O ataque, reivindicado por um grupo pouco conhecido que algumas autoridades iraquianas alegam ter ligações com o Irã, aumenta as tensões no momento em que Washington explora algum grau de entendimento com o Irã.

Também ocorre apenas três semanas antes da visita do papa Francisco ao Iraque, marcada para os dias 5 a 8 de março. A passagem dele deve incluir Erbil, a capital da região autônoma curda do Iraque.