Tempestade de neve no Texas deixa ao menos um morto e 4 milhões sem energia

Mais de 200 milhões de pessoas estão sob alerta na região por conta da tempestade de neve que atinge o país

Weslley Galzo, da CNN, em São Paulo
16 de fevereiro de 2021 às 11:51 | Atualizado 16 de fevereiro de 2021 às 22:33

A onda de frio polar que atinge o estado do Texas, no sul dos Estados Unidos, provocou a primeira morte nesta terça-feira (16). Ao menos 4 milhões estão sem energia elétrica desde ontem, em decorrência de tempestades de neve.

Na última segunda-feira (15), o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, declarou estado de emergência na região e autorizou o envio de assistência federal. Na madrugada desta terça-feira (16), o governador do Texas, Greg Abbott, solicitou o apoio da Guarda Nacional.

As temperaturas variam entre -2ºC e -22ºC. O chefe do departamento de polícia de Houston publicou no Twitter que a morte identificada em meio à nevasca teria sido causada pelas temperaturas extremamente baixas.

Nos estados vizinhos do Texas, ao menos 15 pessoas morreram em acidentes de trânsito por causa das baixas temperaturas na última semana. Em Oklahoma, 123 pessoas deram entrada em hospitais com ferimentos causados pelo clima.

Cerca de 200 milhões de cidadãos dos estados do sul, centro e nordeste dos EUA, estão sob alerta relacionado ao clima.

Segundo o site PowerOutage.us, que acompanha a falta de energia, 4.113.701 texanos estão sem luz desde às 2h05 (4h05 no horário de Brasília) desta terça-feira (16).

 

Foto: Getty Images

As nevascas que assolam o sul dos Estados Unidos chegaram no país por meio de uma onda de frio que se desloca a partir do norte do México. Os mexicanos também sofreram com a queda de energia por conta das baixas temperautas.

Autoridades do México informam que 4,7 milhões de clientes ficaram desabastecidos no início da segunda-feira. O serviço foi retomado para 2,6 nilhões de usuários até o momento. 

(Com informações da CNN e Reuters)