Hotel da Coreia do Sul se desculpa após casal em lua de mel ser exposto em sauna

Hotel cinco estrelas permitiu que casal em lua de mel fosse visto na sua sauna porque as cortinas não foram fechadas

Lilit Marcus e Yoonjung Seo, CNN
20 de fevereiro de 2021 às 15:04 | Atualizado 20 de fevereiro de 2021 às 15:13
Hote Grand Josun
Foto: Divulgação Shinsegae Chosun Hotel

 

Um hotel de luxo na Coréia do Sul pediu desculpas por um erro que pode ter permitido que estranhos vissem um casal que desfrutava a lua de mel em sua sauna.

O Grand Josun, uma nova empreendimento cinco estrelas na popular ilha turística de Jeju, divulgou um comunicado com um de desculpas em seu site depois que um blog local informou que as cortinas da sauna estiveram abertas durante parte do dia, permitindo que as pessoas vissem a área de sauna feminina da rua.


"Lamentamos profundamente por causar qualquer inconveniente às nossas clientes ao usar algumas instalações da sauna feminina do Grand Josun Jeju Hill suite devido à falta de revestimento de espelho em algumas janelas e [problemas] no funcionamento das persianas", diz o comunicado, que foi postado em 18 de fevereiro.

"O funcionamento da sauna foi suspenso e estamos verificando de perto as deficiências e tomando medidas imediatas para corrigi-las."


O hotel explicou que o revestimento especial impede que as pessoas vejam a sauna durante o dia, mas não funciona da mesma forma à noite, por isso as persianas devem baixar assim que escurece.

A polêmica tomou dimensões ainda maiores de um blogueiro sul coreano publicar um relato sobre a sua experiência na hotel, que se tornou viral no país.

 

"Eu fui para a minha lua de mel na Ilha de Jeju e fiquei em uma suíte de um hotel cinco estrelas recém-inaugurado, mas a celebração do meu casamento acabou sendo a pior lembrança da minha vida", escreveu o blogueiro, explicando que ele e sua esposa tiveram momentos íntimos de diversão usando as instalações da piscina e da sauna.


Ele acrescenta: “No meu último dia fui dar um passeio, mas ao olhar para as janelas da sauna descobri que podia ver o interior pelo lado de fora. Pude ver o termômetro dentro da sauna através das janelas. Podíamos ver o interior dos chuveiros e banheiros do lado de fora, da entrada do hotel, da calçada, do estacionamento e até das varandas dos quartos.


Minha esposa e eu ficamos chocados ao descobrir isso. O pensamento de que poderíamos ter usado banheiros e chuveiros na frente de muitas pessoas me dá calafrios e estamos fazendo terapia".

A polícia agora está analisando as imagens do para comprovar se alguém foi exposto enquanto usava as instalações, ou se algum usuário tirou fotos ou gravou vídeos ilícitos do lado de fora.


Em meio à pandemia do coronavírus, as saunas seca e a vapor foram fechadas, mas as banheiras gerais foram abertas com limite de capacidade. Como as fronteiras do país permanecem fechadas para não residentes e as leis de quarentena estão em vigor, muitos coreanos optaram por feriados domésticos este ano.


De acordo com a Agência de Notícias Yonhap da Coréia, a polícia local de Seogwipo foi chamada quando os hóspedes começaram a reclamar para os funcionários do hotel. O gerente da hospedaria de luxo estava fora da cidade no feriado do Ano Novo Lunar, afirmou o blogueiro.

(Texto traduzido. Clique aqui para ler a versão em inglês)