Barco lotado de crianças e mulheres imigrantes é detido no Texas; veja fotos

Número de imigrantes detidos enquanto tentavam fazer a travessia para os Estados Unidos atingiu 171 mil em março

Da Reuters
08 de abril de 2021 às 10:12 | Atualizado 08 de abril de 2021 às 10:15
Imigrantes cruzando de barco o Rio Grande
Imigrantes cruzando de barco o Rio Grande
Foto: Tayfun Coskun/Anadolu Agency via Getty Images

Dezenas de imigrantes foram detidos pelas autoridades norte-americanas no Texas enquanto tentavam cruzar de barco a fronteira com os Estados Unidos. Eles foram levados para abrigos nesta quinta-feira (8) após passarem por testes do Covid-19.

Muitos imigrantes ilegais, que cruzavam o Rio Grande, vinham do México. Um grupo formado em sua maioria por crianças e mulheres foi detido por agentes da Patrulha de Fronteira dos EUA e da guarda florestal do Texas já nos limites da fronteira norte-americana.

Os imigrantes ilegais foram transferidos para o Centro de Repouso Humanitário no Texas para procedimentos de rotina após serem submetidos a testes de coronavírus.

Crianças caminham pela fronteira durante a madrugada
Crianças caminham pela fronteira durante a madrugada
Crianças caminham pela fronteira durante a madrugadaCrédito: Tayfun Coskun/Anadolu Agency via Getty Images
  • Crianças caminham pela fronteira durante a madrugada
  • Imigrantes enfileirados durante a madrugada após serem presos pela Polícia
  • Criança arruma a máscara enquanto é detida ao lado da mãe por policiais
  • Policial registra nomes quando um grupo de migrantes
  • Imigrantes cruzando de barco o Rio Grande

Na quinta-feira, o esquadrão de patrulha de fronteira percebeu sons estranhos vindo do rio ao anoitecer, ao se deslocarem até o local identificaram dezenas de imigrantes ilegais cruzando a fronteira em um barco.

O barco apreendido em Romatown, do condado de Starr, no Texas, recebia imigrantes de diversas nacionalidades, como hondurenhos, guatemaltecos, salvadorenhos, nicaraguenses e mexicanos.

A cidade se tornou um dos focos dos imigrantes ilegais que estão entrando nos Estados Unidos em busca de asilo.

De acordo com autoridades americanas, o número de imigrantes ilegais que tentam cruzar para os Estados Unidos vindos do México ultrapassou 171 mil em março, este é o maior número mensal desde 2006.