Alemanha deixa de exigir quarentena a brasileiros vacinados com Coronavac

Para viajar ao país a partir do Brasil, basta apresentar um teste negativo realizado 72 horas antes da viagem ou um comprovante de recuperação da Covid-19

Anthony Wellsda CNN

em São Paulo

Ouvir notícia

O Instituto Robert Koch, do governo da Alemanha, informou nesta sexta-feira (17) que o Brasil foi retirado da lista das áreas consideradas de alto risco.

Com esta mudança, que passa a valer a partir deste domingo (19), brasileiros que foram vacinados com a Coronavac, imunizante ainda não aprovada pela Agência Europeia de Medicamentos, ou que ainda não completaram sua imunização, não precisam mais realizar quarentena para entrar no país.

Agora, para viajar à Alemanha, basta apresentar um teste negativo realizado 72 horas antes da viagem ou um comprovante de recuperação da Covid-19.

 

Além do Brasil, outras 13 áreas foram reclassificadas pelo instituto: Bangladesh, Botswana, Eswatini, Índia, Irlanda – região oeste, Lesoto, Malawi, Nepal, Portugal – região do Algarve, Zâmbia, Zimbábue, África do Sul e Chipre.

Portugal também flexibilizou a entrada de turistas brasileiros, que não precisam mais realizar quarentena, apenas apresentar teste negativo. A entrada também está permitida na Espanha e na Holanda.

Reino Unido, Estados e Canadá devem rever os protocolos e ampliar entrada no país nos próximos meses.

Mais Recentes da CNN