Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Após ofensivas ucranianas, Putin troca comandante das forças russas

    Mudança segue a demissão relatada no início desta semana dos comandantes de duas das cinco regiões militares da Rússia

    da Reuters

    O Ministério da Defesa da Rússia nomeou neste sábado (8) o general da Força Aérea Sergei Surovikin como comandante geral das forças russas que lutam na Ucrânia, a terceira nomeação militar de alto escalão promovia por Moscou no espaço de uma semana.

    A mudança segue a demissão relatada no início desta semana dos comandantes de duas das cinco regiões militares da Rússia, já que suas forças sofreram uma série de derrotas no nordeste e sul da Ucrânia nas últimas semanas.

    O ministério não disse quem Surovikin vai substituir, se é que havia alguém.

    A inteligência militar britânica disse em abril que o general Alexander Dvornikov havia sido nomeado para assumir o comando das forças russas na Ucrânia, quase dois meses depois de Moscou iniciar o que chama de “operação militar especial”, em uma tentativa de “centralizar comando e controle”.

    No entanto, Moscou não especificou quem estava no comando militar geral da guerra.

    Surovikin, 55, lidera as Forças Aéreas e Espaciais da Rússia desde 2017. De acordo com o site do ministério, ele comandou uma divisão de guardas estacionada na Chechênia em 2004, durante a guerra de Moscou contra os rebeldes islâmicos, e recebeu uma medalha por seu serviço na Síria em 2017.