Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Ataque russo causa danos em mais de 1.000 apartamentos e 5 escolas em Lozova, diz prefeito

    Mísseis atingiram cidade na região de Kharkiv, na Ucrânia, na sexta-feira; prefeito diz que 11 instituições educacionais foram atingidas

    Bombeiros contém incêndio após ataque a um centro cultural em Lozova, na região de Kharkiv, na Ucrânia - 20/05/2022
    Bombeiros contém incêndio após ataque a um centro cultural em Lozova, na região de Kharkiv, na Ucrânia - 20/05/2022 Serviço de Emergência da Ucrânia via REUTERS

    Mariya Knightda CNN

    Um ataque com mísseis russos em Lozova, na região de Kharkiv, na Ucrânia, na sexta-feira (20), causou danos em mais de 1.000 apartamentos e 11 instituições de ensino, incluindo cinco escolas, segundo o prefeito da cidade, Serhiy Zelensky.

    “Os números são chocantes: 11 instituições educacionais, incluindo cinco escolas. Há dúvidas sobre a quantidade de danos sofridos em um hospital e uma clínica. Nosso Palácio da Cultura também foi completamente destruído”, disse o prefeito Zelensky no Telegram, no sábado (21).

    “Entre as instalações educacionais danificadas está a filial de Lozova da Faculdade de Automóveis e Estradas de Kharkiv. O prédio educacional número 1, oficinas de treinamento e produção e um dormitório localizado na área da faculdade também sofreram danos”, acrescentou o prefeito.

    A CNN informou na sexta-feira que um míssil russo destruiu a Casa da Cultura em Lozova e feriu sete pessoas, incluindo uma criança de 11 anos, de acordo com o Gabinete do Presidente da Ucrânia.

    Lozova fica a aproximadamente 73 km a sudoeste de Izium, uma cidade ocupada pelos russos na região de Kharkiv.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original