Biden defende que Trump não tenha acesso a relatórios da inteligência

É uma prática comum os ex-presidentes dos EUA terem acesso a estas informações

Da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

O presidente dos Estados Unidos, o democrata Joe Biden afirmou que o ex-presidente republicano Donald Trump não deveria ter acesso a relatórios de inteligência norte-americana. Mesmo depois dos presidentes deixarem o poder, é uma prática comum nos Estados Unidos que todos continuem tendo esta permissão.

Biden defendeu a restrição justificando que Trump teve um “comportamento errático”, sem mencionar o episódio da invasão do Capitólio. O democrata também questionou qual era a função de passar ao ex-chefe de estado as informações, já que correria o risco delas serem vazadas. A questão já vinha sendo analisada pela Casa Branca.

Na próxima semana o impeachment de Donald Trump será julgado, pela segunda vez, no Senado. 

 

(Publicado por Leonardo Lellis)

Mais Recentes da CNN