Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Brasileiros são autorizados a deixar a Faixa de Gaza

    Informação foi divulgada em primeira mão pela CNN na tarde desta quinta-feira (9); expectativa é que o presidente Lula receba o grupo em Brasília na manhã de domingo (12)

    Jussara SoaresDaniel Rittnerda CNN

    O grupo de 34 brasileiros e seus familiares palestinos que está na Faixa de Gaza foi autorizado a deixar o território, um mês depois dos ataques do Hamas a Israel, conforme a CNN noticiou em primeira mão na tarde desta quinta-feira (9).

    Após a informação ser divulgada pela CNN, ela foi confirmada pelo Ministério das Relações Exteriores, que, em comunicado, afirmou que o ministro das Relações Exteriores de Israel, Eli Cohen, “assegurou” ao ministro Mauro Vieira “que brasileiros e familiares estarão na lista de estrangeiros autorizados a cruzar a fronteira amanhã (10)”.

    As autoridades brasileiras estão trabalhando com a previsão de a aeronave da Presidência da República deixar o Egito rumo ao Brasil no sábado (11).

    Vídeo — Israel fará pausas diárias nos ataques ao norte de Gaza

    A expectativa é que o desembarque em Brasília aconteça na manhã de domingo (12). O roteiro inclui três paradas técnicas: Roma, na Itália; Las Palmas, na Espanha; e Recife, já no Brasil.

    O grupo de brasileiros está dividido entre duas cidades palestinas: 18 na cidade fronteiriça de Rafah, que liga a Faixa de Gaza ao Egito; e 16 em Khan Yunis.

    Integrantes do governo disseram à CNN que há a expectativa de que os brasileiros sejam recebidos pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) na Base Aérea de Brasília no domingo, quando se completa um mês da chegada do primeiro grupo de repatriados vindo de Israel.

    A inclusão do Brasil na lista de países autorizados a repatriar seus cidadãos acontece após a intensificação de gestões diplomáticas do governo Lula, que envolveram contatos com diversos países.