Busto de George Floyd é vandalizado em NY e visitantes se unem para restauração

“Somos cerca de cinco pessoas e não somos ligadas ao projeto da exposição. Pelo que descobri, as pessoas que trabalham aqui também estão fazendo isso”, disse uma voluntária

Liam Reillyda CNN

Ouvir notícia

Um busto de bronze de George Floyd, parte da exposição “SEEINJUSTICE” em Nova York, foi desfigurado na manhã de domingo (3). As informações foram confirmadas pelo Departamento de Polícia.

O busto — uma das três estátuas na instalação de Confront Art, que estreou na quinta-feira (29) mas abriu ao público apenas na noite de sexta-feira (1º) — foi vandalizado com tinta cinza à base de água por volta das 10h de domingo (3), disse a detetive do NYPD Frances Sammon à CNN.

“Há imagens de vídeo que a polícia conseguiu apurar”, afirmou Sammon. “Eles mostram um homem agachado sob uma das estátuas. Ele então mistura algo e, enquanto patina, joga um recipiente de tinta na estátua.”

O cofundador da exposição, Andrew Cohen, disse que quando ele chegou, uma equipe de voluntários já estava no local limpando a estátua.

“Eles foram ao supermercado e compraram suprimentos do próprio bolso”, disse ele. “Isso é trabalho de equipe inspirador e apoio da comunidade.”

Harmony Seaburg, uma das voluntárias que ajudaram a limpar a estátua, observou como era difícil vê-la em seu estado alterado.

“Foi realmente difícil ver um homem gigante como ele dessa forma”, disse Seaburg à CNN. “Estamos tentando tirar toda a pintura de seu rosto, mas é muito emocionante.”

Seaburg disse que os cinco voluntários são estranhos uns aos outros. “Um homem era pintor e sabia o que comprar”, disse Seaburg. “Somos cerca de cinco pessoas e não somos ligadas ao projeto. Pelo que descobri, as pessoas que trabalham aqui também estão fazendo isso”.

Chris Carnabuci, o artista que fez as estátuas, também elogiou a reação da comunidade, comparando-a à resposta ao que ocorreu quando um busto de George Floyd foi vandalizado em junho, no Brooklyn.

“Em Flatbush, faltavam quatro dias para a inauguração”, disse Carnabuci à CNN. “Nesse caso, a abertura oficial com a imprensa foi na quinta-feira, então só se passaram alguns dias.”

“Não estou chocado, mas ainda estou chateado”, disse ele. “É uma coisa muito contraproducente de se fazer, e não é o tipo de discurso civilizado – a palavra-chave ser civilizado – que eu queria.”

(Texto traduzido. Leia o original aqui).

Mais Recentes da CNN