Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Capacidades russas no Ártico são desafio estratégico para Otan, diz Stoltenberg

    Secretário-geral da aliança militar se encontrou, nesta sexta-feira (26), com o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau

    Secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, fala durante cerimônia de assinatura de protocolo de adesão de Finlândia e Suécia.
    Secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, fala durante cerimônia de assinatura de protocolo de adesão de Finlândia e Suécia. Reuters

    Ismail ShakilSteve Schererda Reuters

    As capacidades da Rússia no Norte Terrestre são um desafio estratégico para a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e a aliança precisa de uma forte presença aliada na região do Ártico, disse o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, durante sua visita ao Canadá nesta sexta-feira (26).

    “A importância do alto norte está aumentando para a Otan e para o Canadá porque vemos um significativo acúmulo militar russo com novas bases, novo sistema de armas”, disse Stoltenberg, ao lado do primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, em Cold Lake.

    “A situação geopolítica mudou nos últimos meses, e é por isso que entender que a Rússia é uma preocupação crescente para todos nós torna oportuno compartilharmos com o secretário-geral e com a Otan todas as coisas que o Canadá está fazendo por meio do Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte (Norad, na sigla em inglês)”, acrescentou Trudeau.