Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Casa Branca diz estar observando ameaça iraniana “muito, muito de perto”

    Premiê israelense convocou gabinete de guerra para discutir possível ataque

    Porta-voz de segurança nacional da Casa Branca, John Kirby
    Porta-voz de segurança nacional da Casa Branca, John Kirby 02/04/2024REUTERS/Evelyn Hockstein

    Kevin Liptakda CNN

    Há uma ameaça “muito crível” de ataques retaliatórios iranianos contra Israel, disse a Casa Branca nesta sexta-feira (12), enquanto o presidente dos EUA, Joe Biden, recebe atualizações constantes sobre a situação de sua equipe de segurança nacional.

    “Estamos observando isso muito, muito de perto”, disse o porta-voz da segurança nacional, John Kirby, que se recusou a fornecer informações sobre o momento esperado da ameaça.

    Mas ele disse que as autoridades dos EUA estão em “comunicação constante” com os seus parceiros israelenses sobre o assunto e que estão em curso medidas para garantir que Israel seja capaz de se defender.

    “Certamente estamos atentos a uma ameaça muito pública e ao que consideramos ser uma ameaça muito crível feita pelo Irã em termos de potenciais ataques a Israel”, disse Kirby.

    Ele apontou para uma visita a Israel na sexta-feira do chefe do Comando Central dos EUA, o general Michael Kurilla, para ter “essas conversas diretamente com seus homólogos (das Forças de Defesa de Israel)”. Biden também recebe instruções várias vezes ao dia sobre a situação, afirmou Kirby. “Ele deixou claro para toda a equipe de segurança nacional que levaremos a sério nossos compromissos com a defesa e a autodefesa de Israel”.

    Os EUA também estão avaliando a sua própria postura na região antes do potencial ataque retaliatório, acrescentou.