Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Casa Branca: Israel deve mudar condução de guerra em Gaza ou enfrentará consequências

    Joe Biden disse a Netanyahu que morte de trabalhadores humanitários é "inaceitável"

    Joe Biden e Benjamin Netanyahu em Jerusalém
    Joe Biden e Benjamin Netanyahu em Jerusalém Baz Ratner/Reuters

    Da Reuters

    Se Israel não mudar a forma como conduz a guerra em Gaza, os Estados Unidos mudarão a sua política em relação a Israel, disse o conselheiro de Segurança Nacional da Casa Branca, John Kirby, na quinta-feira (4).

    Os comentários de Kirby aos repórteres ocorreram poucas horas depois que o presidente dos EUA, Joe Biden, deu sua mais forte repreensão pública a Israel desde o início de guerra com o Hamas, alertando que a política americana em Gaza será determinada pela adoção de medidas por Israel para abordar a segurança dos civis palestinos e trabalhadores humanitários.

    O secretário de Estado dos EUA, Antony Blinken, também disse que a política de Washington em Gaza dependia da “ação imediata” de Israel para melhorar a situação humanitária e a segurança de inocentes no enclave palestino.

    “Se não virmos as mudanças que precisamos de ver, haverá mudanças na nossa própria política”, disse Blinken aos jornalistas.

    As declarações vêm na sequência de um ataque israelense a um comboio de caridade da World Central Kitchen esta semana, que matou sete trabalhadores de ajuda alimentar.