Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Em ato falho, Bush chama invasão “do Iraque de brutal e injustificada”

    Ex-presidente americano se corrigiu e disse pretendia se referir à invasão russa da Ucrânia

    Kanishka Singhda Reuters

    Washington

    O ex-presidente dos Estados Unidos George W. Bush se confundiu e descreveu a invasão do Iraque como “brutal” e “injustificada”, antes de se corrigir dizendo que pretendia se referir à invasão da Ucrânia pela Rússia.

    Bush fez os comentários em um discurso durante um evento em Dallas, na quarta-feira (18), enquanto criticava o sistema político da Rússia.

    “O resultado é a ausência de freios e contrapesos na Rússia, e a decisão de um homem de lançar uma invasão totalmente injustificada e brutal do Iraque”, disse Bush, antes de se corrigir e balançar a cabeça. “Quero dizer, da Ucrânia.”

    Ele reagiu com humor e culpou sua idade pelo erro, enquanto a plateia caiu na gargalhada.

    Em 2003, quando Bush era presidente, os Estados Unidos lideraram uma invasão do Iraque por causa de armas de destruição em massa que nunca foram encontradas. O conflito prolongado matou centenas de milhares de pessoas e deslocou muitas outras.

    Os comentários de Bush rapidamente se tornaram virais nas mídias sociais, reunindo mais de três milhões de visualizações somente no Twitter depois que o clipe foi twittado por um repórter do Dallas News.

    O ex-presidente dos EUA também comparou o líder ucraniano Volodymyr Zelensky ao líder da guerra da Grã-Bretanha, Winston Churchill, ao condenar o presidente russo, Vladimir Putin, por lançar a invasão da Ucrânia em fevereiro.