Em retaliação, Rússia fecha espaço aéreo para companhias britânicas

Medida segue a proibição de Londres aos voos da transportadora russa Aeroflot

Avião da British Airways, companhia aérea britânica
Avião da British Airways, companhia aérea britânica British Airways

Gleb Stolyarovda Reuters

Ouvir notícia

A Rússia proibiu companhias aéreas britânicas de pousar em seus aeroportos ou cruzar seu espaço aéreo, informou o órgão regulador russo de aviação civil nesta sexta-feira (25).

A medida segue a proibição de Londres aos voos da transportadora de bandeira russa Aeroflot imposta em resposta à invasão da Ucrânia pela Rússia.

O primeiro-ministro Boris Johnson anunciou a proibição nesta quinta-feira (24) no parlamento e a Autoridade de Aviação Civil do Reino Unido disse que suspendeu a permissão de transporte estrangeiro da Aeroflot.

“Isso significa que a Aeroflot não terá permissão para operar voos para o Reino Unido até novo aviso”, disse a agência. O secretário de Transportes, Grant Shapps, disse que assinou restrições que proíbem todas as companhias aéreas russas de entrar no espaço aéreo britânico.

Mais Recentes da CNN