Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Esforço internacional: confira os países que já anunciaram auxílio ao RS

    Imagens de devastação comoveram líderes e geraram uma onda mundial de solidariedade

    Trecho da Lagoa dos Patos, em Pelotas (RS), na manhã desta quarta-feira (8)
    Trecho da Lagoa dos Patos, em Pelotas (RS), na manhã desta quarta-feira (8) CNN/Reprodução

    Gabriel Garcia **da CNN

    As cenas das enchentes no Rio Grande do Sul rodaram o planeta e comoveram líderes de países ao redor do mundo. Diversas nações já anunciaram envios de ajuda e doações ao estado brasileiro.

    Na última semana, a CNN noticiou que Israel anunciou a doação de purificadores de água. O Japão também ofereceu ajuda humanitária, doando barracas de acampamento, colchonetes, cobertores, galões portáteis, lonas plásticas e purificadores de água.

    O Reino Unido também fez doações ao estado brasileiro de itens médicos e emergenciais. Os britânicos também manifestaram interesse em conversar com o Itamaraty sobre ações bilaterais futuras na gestão integral de riscos e desastres, segundo o ministério.

    Na América Latina, o Mercosul está unindo esforços para auxiliar o Brasil na situação. A Reunião de Ministros e Altas Autoridades de Gestão de Riscos e Desastres do Mercosul está em contato com o Secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil do Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional.

    Desde o dia 5 de maio, os grupos de trabalho dedicados aos serviços hidrometeorológicos e aos alertas antecipados dentro do bloco econômico sul-americano têm permanecido ativos. Houve um diálogo contínuo entre técnicos e especialistas dos países-membros, abordando também os impactos das enchentes nas regiões da Argentina e do Uruguai.

    O Uruguai, país que faz fronteira com o estado, já anunciou a disponibilização de helicópteros para auxílio nos resgates. Já a Argentina, outro país vizinho do Rio Grande do Sul, vai enviar pastilhas purificadoras de água.

    A ONG norte-americana Samaritan’s Purse também colaborou, com 10 estações de purificação de água com capacidade de 400 mil litros por hora, e outros itens emergenciais.

    Balanço Defesa Civil

    Até o momento, mais de 140 pessoas morreram em decorrência das chuvas que atingem o Rio Grande do Sul desde a semana passada. O último balanço da Defesa Civil foi divulgado na manhã desta segunda (13). O número de municípios afetados permanece em 447.

    Ao todo, 2.115.703 pessoas foram afetadas, sendo que 538.241 estão desalojadas e 80.826 permanecem em abrigos.

    Desde o início das operações de socorro, já foram resgatadas 76.470 pessoas e 10.814 animais.

    Ao todo, de acordo com o governo do Rio Grande do Sul, há um efetivo de 27.651 pessoas atuando nos resgates. A ação conta com o apoio de 4.405 viaturas, além de 41 aeronaves e 340 embarcações.

     

    **Com supervisão de Luciana Caczan