Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    EUA ameaçam tomar medidas se Maduro quebrar compromissos eleitorais na Venezuela

    Alerta acontece após Supremo Tribunal de Justiça venezuelano suspender resultados das primárias presidenciais da oposição

    Alívio das sanções ao setor petrolífero venezuelano pode ser revertido
    Alívio das sanções ao setor petrolífero venezuelano pode ser revertido 12/06/2023REUTERS/Leonardo Fernandez Viloria

    Matt Spetalnickda Reuters

    Os Estados Unidos solicitaram, nesta segunda-feira (30), que o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, e seu governo mantenham os compromissos com a oposição do país para as eleições do próximo ano.

    Segundo os EUA, caso as promessas sejam quebradas, “medidas serão tomadas”, de acordo com um porta-voz do Departamento de Estado.

    O alerta norte-americano surgiu em resposta a uma decisão do Supremo Tribunal de Justiça da Venezuela de suspender os resultados das primárias presidenciais da oposição deste mês, apesar de um acordo eleitoral que permite a cada lado escolher o seu candidato.

    Washington ameaçou reverter o alívio das sanções ao setor petrolífero da Venezuela se Maduro declinar do acordo.

    Veja também: Venezuela alega fraude e vai investigar primárias