EUA chegam a 2,5 milhões de infectados e 125 mil mortes por coronavírus

Foram 44.703 novos casos e 508 óbitos registrados em relação ao dia anterior; epidemia volta a avançar em diversos estados do país

Pessoas caminham em praia na cidade de Jacksonville, na Flórida
Pessoas caminham em praia na cidade de Jacksonville, na Flórida Foto: Sam Thomas - 14.abr.2020 / Reuters

Ouvir notícia

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC) informou neste domingo (28) 2.504.175 casos do novo coronavírus, um aumento de 44.703 em relação à contagem anterior, e afirmou que o número de mortes subiu em 508, para 125.484.

O CDC divulgou sua contagem de casos da doença respiratória, conhecida como Covid-19, causada pelo novo coronavírus, com base em dados levantados até a tarde de sábado.

Os números do CDC não refletem necessariamente casos relatados por estados individualmente.

Leia também:

Como a Casa Branca tenta proteger Trump do coronavírus

Brasil tem 1.109 novas mortes por Covid-19; total de infectados vai a 1,3 mi

Mundo ultrapassa 10 milhões de casos de Covid-19, afirma universidade

Flórida e Arizona, por exemplo, registraram no sábado elevações diárias recordes em casos de Covid-19, destacando o agravamento da disseminação do vírus em vários estados do sul e oeste dos EUA. Com isso, muitos deles estão tomando medidas para reverter seus planos de reabertura.

Na manhã de sábado, a Flórida anunciou 9.585 novas infecções nas últimas 24 horas, um recorde pelo segundo dia, enquanto o Arizona registrou 3.591 novos casos de Covid-19, igualando recorde anterior de 23 de junho.

O aumento de casos foi mais acentuado nos Estados do sul e do oeste, como Flórida e Texas, que agora estão tomando medidas para reimpor restrições aos negócios, ameaçando uma esperada recuperação econômica e de empregos.

*Com Reuters

Mais Recentes da CNN