EUA, França e Rússia pedem cessar-fogo no conflito entre Armênia e Azerbaijão

Três países fazem parte do Grupo de Minsk, criado em 1992, com o objetivo de encontrar uma solução pacífica para o conflito de Nagorno-Karabakh

Confrontos são os piores registrados entre Azerbaijão e Armênia desde os anos 1990
Confrontos são os piores registrados entre Azerbaijão e Armênia desde os anos 1990 Foto: Reprodução - 28.set.2020 / Reuters

Ouvir notícia

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira (1), os líderes dos Estados Unidos, da França e da Rússia pediram cessar-fogo imediato no conflito entre Armênia e Azerbaijão.

Donald Trump, Emmanuel Macron e Vladimir Putin, que assinam o documento, condenam “a escalada de violência na região de Nagorno-Karabakh”, e pedem que os dois países retomem as negociações.

Leia mais:
Entenda por que Azerbaijão e Armênia estão em conflito em Nagorno-Karabakh
Há risco de que Rússia e Turquia entrem no conflito de Armênia e Azerbaijão?
Jogador da seleção da Armênia é convocado para guerra com Azerbaijão

Os líderes também expressaram condolências às famílias das vítimas e dos feridos.

Os três países fazem parte do Grupo de Minsk, criado em 1992, com o objetivo de encontrar uma solução pacífica para o conflito de Nagorno-Karabakh.

Segundo a agência “Reuters”, a guerra já vitimou 84 soldados dos dois países.

(*Com supervisão de Julyanne Jucá)

Mais Recentes da CNN