Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    EUA: Incêndios se alastram pelo Colorado e causam evacuação de milhares

    Autoridades estimam que mais de 500 residências foram atingidas, e cerca de seis pessoas ficaram feridas

    Hotel é atingido por incêndio em Superior, Colorado (EUA)
    Hotel é atingido por incêndio em Superior, Colorado (EUA) Reuters

    Caroll AlvaradoRaja RazekSteve Almasyda CNN

    Ouvir notícia

    Centenas de casas foram perdidas depois que dois incêndios florestais aumentaram rapidamente nesta quinta-feira (30) no estado do Colorado (EUA), e os ventos fortes espalharam o fogo e a fumaça, forçando dezenas de milhares de residentes a deixarem suas casas, disse o xerife da região.

    O xerife Joe Pelle estimou que 580 casas podem ter sido destruídas. Um centro comercial e um hotel na cidade de Superior também foram engulidos pelas chamas.

    Ventos “históricos” de 130 a 160 km/h alimentaram os incêndios florestais que feriram pelo menos seis pessoas, levaram um hospital a enviar pacientes para outro lugar e forçaram a evacuação de milhares.

     

    O fogo queimou pelo menos 647 hectares e se espalhou para o leste, disse o xerife.  Não houve relatos imediatos de vítimas  ou desaparecidos, disse Pelle. Um policial sofreu um ferimento leve no olho devido aos destroços.

    “Gostaria de enfatizar que, devido à magnitude do incêndio, à sua intensidade e à sua presença em uma área tão populosa, não ficaríamos surpresos se tivermos feridos ou mortes”.

    Uma âmbulância e vários carros evacuam a região de Boudler, Colorado (EUA) / Reuters

    O governador Jared Polis, que declarou estado de emergência na área, disse que as chamas estavam viajando em velocidade impressionante.

    “As famílias do Colorado têm pouco tempo para pegar suas coisas importantes e deixarem suas casas. Não será fácil reconstruir suas vidas”, disse ele.

    Pelo menos seis pessoas estão sendo tratadas por ferimentos relacionados a um dos incêndios, disse um porta-voz da UCHealth à CNN.

    Outro hospital, o Avista Adventist Hospital, foi solicitado a evacuar seus pacientes e funcionários. As autoridades disseram que os funcionários do hospital estavam mais preocupados com a fumaça do que com as chamas que estavam a apenas alguns quarteirões das instalações.

    “Se você estiver na área, por favor, aja rapidamente”, tuitou o Escritório de Gerenciamento de Emergências do Condado de Boulder;

    “Estamos no meio de uma tempestade de vento verdadeiramente histórica em toda a faixa de frente, contrafortes e corredor urbano”, disse o escritório do Serviço Meteorológico Nacional em Boulder na tarde desta quinta.

    Casa é atingida pelo fogo em Superior, Colorado (EUA) / Reuters

    Combinado com a umidade relativa abaixo de 20% e as condições de seca em curso , os ventos extremos estavam alimentando a rápida propagação do fogo. Os residentes do condado foram orientados a não perder tempo se virem as chamas.

    As rajadas de vento com força de furacão foram atribuídas à “amplificação excepcional das ondas da montanha”, que é um grande aumento na velocidade do vento à medida que o ar flui pelas montanhas para as elevações mais baixas que podem ocorrer sob condições atmosféricas muito específicas.

    Os ventos devem enfraquecer gradualmente ao longo da noite desta sexta-feira (31) e diminuir pela manhã do primeiro dia de 2022, disseram os meteorologistas.

    Uma frente fria avançando empurrará para a área e trará chuvas de neve para o sopé e a faixa frontal ao nascer do sol.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original

    Mais Recentes da CNN