Incêndio em clínica psiquiátrica deixa pelo menos 19 mortos no Japão

Segundo a imprensa local, outras oito pessoas estão em estado crítico

Bombeiros em frente ao prédio atingido pelo incêndio
Bombeiros em frente ao prédio atingido pelo incêndio Kyodo / via Reuters

Kiyoshi Takenakada Reuters

Ouvir notícia

Estima-se que pelo menos 27 pessoas morreram depois que um incêndio atingiu uma clínica psiquiátrica na cidade japonesa de Osaka nesta sexta-feira (17), e a polícia investiga a hipótese de ato criminoso, informou a imprensa local.

Cerca de 27 pessoas sofreram parada cardiorrespiratória, disse um oficial do corpo de bombeiros da cidade de Osaka à Reuters. Uma outra pessoa ficou ferida, disse o funcionário.

Dezenove pessoas foram confirmadas como mortas, disse a Kyodo News.

A polícia está investigando suspeitas de incêndio criminoso, incluindo relatos de que um homem iniciou o incêndio no prédio, disse a Kyodo News, citando pessoas envolvidas na investigação.

Um idoso trouxe um saco para dentro do prédio que vazou líquido inflamável e deu início ao fogo. O homem era considerado paciente da clínica, disse o jornal Mainichi.

O incêndio começou logo depois que a clínica, no quarto andar de um prédio de escritórios, abriu para negócios às 10h no horário local (22h no horário de Brasília) e foi extinto em 30 minutos, informou a emissora pública NHK.

Vídeo da NHK mostra fumaça saindo das janelas do quarto andar e do telhado.

“Quando olhei para fora, vi chamas na janela do quarto andar do prédio. Uma mulher estava acenando com as mãos pedindo ajuda da janela do sexto andar”, disse à Kyodo uma mulher de 36 anos que trabalha em uma empresa próxima.

Localizado em um bairro comercial próximo à principal estação ferroviária de Osaka, o prédio também abriga um salão de beleza, uma loja de roupas e uma escola de inglês, disse a NHK.

Um incêndio criminoso em um estúdio de animação na cidade de Kyoto em 2019 matou mais de 30 pessoas e feriu dezenas.

Mais Recentes da CNN