Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Exército ucraniano contra-ataca ao norte e a oeste de Kiev

    Especialistas entendem que a guerra entrou em uma fase de disparos a distância; já que os russos não conseguiram chegar à capital ucraniana

    Anna Gabriela Costada CNN

    em São Paulo

    Ouvir notícia

    Organizações norte-americanas que observam a guerra identificaram um contra-ataque dos ucranianos, principalmente a oeste da capital Kiev. A análise do mapa que mostra as últimas movimentações foi feita pelo editor de Internacional da CNN Brasil Marcelo Favalli.

    Desde a semana passada, Kiev se torna um ponto muito importante no conflito. A parte oeste da cidade, que aparentava ser uma posição tomada pelos russos no início da semana, retornou ao controle dos ucranianos.

     

    A cerca de 30 quilômetros de Kiev, a expectativa é de que seja instalado um ponto de artilharia para acertar o centro da capital, conforme a explicação do editor de Internacional da CNN.

    Especialistas compreendem que a guerra entrou em uma fase de disparos a distância; isso porque os russos não conseguiram chegar a Kiev, pelo menos não no coração da capital.

    O Pentágono disse nesta terça-feira (22) que está diminuindo o número de militares russos no combate. Entre os motivos, explica Favalli, estão questões de logística: os soldados russos feridos não estão conseguindo atendimento médico das equipes que acompanham os pelotões.

    Além disso, também não existia um comando unificado para a superação dos russos na Ucrânia. Então, diferentes frentes de tropas estão disputando a mesma fonte de suprimentos, de modo que os russos estão ficando desabastecidos.

    Mais Recentes da CNN