Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Fila para acessar caixão da rainha chega a 8 km; tempo de espera passa de 8 h

    Povo britânico espera para se despedir e prestar homenagem a Elizabeth II, que morreu no último dia 8

    Da CNN Brasil

    A fila para acessar o local do velório da rainha Elizabeth II, no Westminster Hall, em Londres, chegou a quase oito quilômetros de extensão por volta das 16h desta quinta-feira (15), pelo horário de Brasília (20h no horário local), superando o dia anterior. O tempo estimado de espera passa de oito horas.

    O caixão está em uma plataforma elevada, coberto com o Estandarte Real, que carrega a Coroa Imperial do Estado, o Orbe e o Cetro e flores brancas com folhagens.

    Mais de 1.000 auxiliares prestam apoio e distribuem água para aqueles que esperam para ver o caixão da rainha.

    Na quarta-feira (15), cerca de 75 mil pessoas esperavam para entrar no Westminster Hall. Há quem enfrentou chuva e dormiu na calçada para garantir a posição na fila, que se estendeu por quatro quilômetros.

    O governo estima que cerca de 750 mil pessoas devem entrar para ver o caixão da rainha.

    A longeva monarca, que morreu em 8 de setembro, recebe homenagens e despedidas no mundo inteiro e, especialmente, na sua terra natal.

    O caixão com o corpo da rainha foi levado em cortejo na manhã de quarta-feira (14), do Palácio de Buckingham até o parlamento do Reino Unido, onde ficará exposto ao público até segunda-feira (19). Depois, o corpo será transportado até a Capela de São Jorge, no Castelo de Windsor, onde será realizado o enterro.

    Chefes de Estado e outros altos dignitários estrangeiros serão convidados a se reunir no Royal Hospital, uma casa de repouso para ex-militares no oeste de Londres, e “seguir em grupos para a Abadia de Westminster” antes do funeral, disse uma autoridade do Palácio de Buckingham.