Guillermo Lasso toma posse como presidente do Equador

Presidente Jair Bolsonaro participa de cerimônia na capital Quito

da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

 

O novo presidente do Equador, Guillermo Lasso, foi empossado nesta segunda-feira (24) em na capital Quito.

A cerimônia é acompanhada pelo presidente Jair Bolsonaro, na primeira viagem internacional desde março de 2020. 

Lasso, de 65 anos, é ex-banqueiro e já havia concorrido à Presidência do país em duas outras ocasiões, em 2013 e 2017. Em abril deste ano, ele derrotou nas urnas Andrés Arauz, ministro do ex-presidente Rafael Correa, por 52,5% a 47,5%, numa eleição com alto índice de abstenção.

O novo mandatário é visto como um político de centro-direita, assim como o uruguaio Luis Lacalle Pou, que assumiu a liderança do Uruguai no ano passado.

Lasso terá dois principais desafios pela frente, um econômico e outro, político. Ele deve enfrentar a crise econômica que vem desde 2019, com alto índice de desemprego e aumento da pobreza em 32%, e que piorou com o avanço da pandemia da Covid-19. Ele pretende vacinar 9 dos 17 milhões de equatorianos nos primeiros 100 dias de mandato. 

Além disso, o maior bloco dentro do Congresso é o do partido do ex-presidente Rafael Correa, que faz oposição ao novo governo.

Presidente Guillermo Lasso é empossado no Equador
Presidente Guillermo Lasso é empossado no Equador
Foto: Reprodução/Secretaría General de Comunicación Ecuador (24.mai.2021)

(*Com informações de Heloísa Vilela, da CNN em Quito)

Tópicos

Mais Recentes da CNN