Irã apresenta proposta para derrubar sanções de países europeus

Anúncio de autoridade iraniana acontece dia depois das conversas indiretas entre o Irã e EUA sobre volta ao acordo nuclear

Bandeira do Irã em Viena
Bandeira do Irã em Viena 23/05/2021 REUTERS/Leonhard Foeger

Parisa Hafezida Reuters

Ouvir notícia

O Irã apresentou às partes europeias envolvidas em um acordo nuclear de 2015 dois esboços sobre remoção de sanções impostas ao país e compromissos nucleares, disse uma autoridade iraniana nesta quinta-feira (02), enquanto potências mundiais e o Irã tentam restabelecer o pacto.

“Entregamos duas propostas de esboços a eles… é claro que eles precisam verificar os textos que lhes entregamos. Se estiverem dispostos a continuar as conversas, estamos em Viena para continuar as conversas”, disse Ali Bagheri Kani,  principal negociador nuclear do Irã, aos repórteres na capital austríaca.

Um diplomata europeu em Viena confirmou que esboços de documentos foram entregues.

O anúncio veio no quarto dia das conversas indiretas entre o Irã e os Estados Unidos sobre a volta plena de ambos ao acordo. Elas foram retomadas após um intervalo de cinco meses, provocado pela eleição do presidente linha-dura Ebrahim Raisi no Irã.

Conforme o pacto, o Irã limitou seu programa nuclear em troca do alívio de sanções econômicas dos EUA, da União Europeia e da Organização das Nações Unidas (ONU).

Mas o então presidente norte-americano, Donald Trump, abandonou o acordo em 2018 e reativou sanções duras dos EUA, induzindo os iranianos a violarem limites estabelecidos no pacto ao seu programa nuclear.

Mais Recentes da CNN