Kamala responsabiliza Pence pelas mortes por Covid-19, em debate de vices

"Os americanos testemunharam o que é a maior falha de qualquer administração presidencial na história do nosso país", disse Harris

Guilherme Venaglia, da CNN, em São Paulo

Ouvir notícia

No debate entre os candidatos a vice-presidente dos Estados Unidos, a senadora Kamala Harris, companheira de chapa do democrata Joe Biden, responsabilizou o vice-presidente Mike Pence pelas mortes em decorrência da Covid-19.

“Os americanos testemunharam o que é a maior falha de qualquer administração presidencial na história do nosso país”, disse Harris. Pence coordena a força-tarefa do governo Trump contra o novo coronavírus.

Os EUA concentram o maior número de casos da Covid-19 no mundo. Segundo a Universidade Johns Hopkins, são 7,5 milhões, e 211.725 mortes, também o maior número para um único país. 

A candidata a vice de Biden também citou as revelações do livro do jornalista Bob Woodward, que divulgou entrevista feita com Trump no início do ano, quando o presidente teria admitido que a pandemia era mais grave do que dizia aos americanos à época.

Assista e leia também:

Mike Pence, um vice ‘cristão, conservador e republicano’ na Casa Branca

Kamala: quem é primeira negra a concorrer por um dos grandes partidos dos EUA

“Eles sabiam o que estava acontecendo e não disseram para você. Você pode imaginar se você soubesse em 28 de janeiro, e não em 13 de março, o que eles sabiam e o que você poderia ter feito para se preparar? Eles souberam e esconderam”, disse a senadora se dirigindo aos norte-americanos.

Na réplica, Mike Pence afirmou que Kamala Harris “faz política com a saúde das pessoas” e que o governo Trump seguiu recomendações de especialistas, que orientavam o governo a postergar medidas de distanciamento social para evitar o impacto sobre a vida dos americanos.

O atual vice-presidente também afirmou que os Estados Unidos terão uma vacina eficaz contra a Covid-19 até o final de 2020, diante da afirmação da adversária de medidas de contenção da pandemia que planeja a partir de uma eventual posse, em janeiro de 2021.

“Senadora, pare de fazer joguinhos políticos com a vida das pessoas. Teremos vacina até o fim do ano”, rebate Mike Pence.

Sucessão

Vença quem vencer, Trump ou Biden, o próximo presidente dos Estados Unidos será o mais velho a tomar posse. Trump terá 74. Biden, 78.

Este é justamente um dos motivos que explicam o tamanho interesse que o debate entre Kamala e Pence recebeu nos EUA, uma vez que um dos dois pode vir a assumir.

Além disso, são ambos potenciais candidatos para as eleições de 2024. Donald Trump não poderá concorrer a um terceiro mandato, enquanto Biden, ciente de que terá 82 anos no próximo pleito, já adiantou a possibilidade de não ser candidato à reeleição.

Ambos foram perguntados sobre a possibilidade de assumir pela mediadora do debate, Susan Page, do jornal USA Today, mas não responderam. Mike Pence usou o tempo da resposta para continuar o assunto do bloco anterior, sobre a Covid-19. Kamala Harris aproveitou para apresentar seu currículo ao eleitor americano.

Mais Recentes da CNN