Manifestantes tentaram impedir que iate de Roman Abramovich atracasse na Turquia

Manifestantes carregavam placas com os dizeres "sem guerra"

O iate Solaris, do bilionário Roman Abromovich, chegando em Montenegro
O iate Solaris, do bilionário Roman Abromovich, chegando em Montenegro Filip Filipovic/Getty Images

Tim ListerTeele Rebaneda CNN

Ouvir notícia

Manifestantes no porto turco de Bodrum tentaram bloquear o “My Solaris”, um iate ligado ao oligarca russo Roman Abramovich, de atracar na segunda-feira (21).

Os membros da Escola de Vela Infantil e Juvenil de Odessa — comumente referido como o Clube de Vela Optimist — carregavam bandeiras ucranianas e placas que diziam “Sem guerra”.

“Foi decisão de toda a equipe bloquear a aproximação do iate do oligarca russo Abramovich”, disse o técnico da equipe, Pavlo Dontsov, à CNN.

“Nós levantamos a bandeira do nosso país em muitas competições internacionais. Só queremos mostrar a todos quem é a Ucrânia.”

De acordo com o Marine Traffic, o “My Solaris” atracou em Bodrum na noite de segunda-feira.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN