Níveis atuais de CO2 na atmosfera colocam o mundo muito longe das metas climáticas

Segundo relatório da ONU, gases de efeito estufa atingiram nível recorde e ameaçam metas que devem ser discutidas na COP26, em Glasglow

Rob Pichetada CNN

Ouvir notícia

A concentração de gases de efeito estufa na atmosfera mais uma vez atingiu níveis recordes, de acordo com um relatório da ONU publicado nesta segunda-feira (25), colocando o planeta em rota de aquecimento que excede em muito os limites críticos para evitar mudanças climáticas catastróficas.

A concentração de dióxido de carbono (CO2) em 2020 foi 149% superior aos níveis anteriores à industrialização, batendo outro recorde anual, de acordo com o Boletim de Gases de Efeito Estufa da Organização Meteorológica Mundial (OMM).

Embora a pandemia de Covid-19 tenha causado um declínio temporário em novas emissões, não teve nenhum impacto perceptível nas quantidades ou impacto dos gases de efeito estufa já na atmosfera, concluiu o relatório.

Em vez disso, a tendência gradual de aumento dos gases de efeito estufa que foi registrado na última década continuou.

As descobertas aumentam o senso de urgência antes das negociações climáticas da COP26, que começam em Glasgow, Escócia, neste domingo (31), na esteira de uma reunião dos líderes do G20 em Roma.

Há expectativas para algumas nações do G20 – que não aumentaram suas ambições desde Paris – de fazê-lo antes da COP26.

A China, maior emissora de gases do efeito estufa do mundo, revelou neste domingo (24) seu roteiro climático – sem melhorar sua promessa de reduzir as emissões.

“O Boletim de Gases de Efeito Estufa contém uma mensagem científica contundente para os negociadores da mudança climática na COP26. Na atual taxa de aumento nas concentrações de gases de efeito estufa, veremos um aumento de temperatura no final deste século muito superior às metas do Acordo de Paris de 1,5 a 2 graus Celsius acima dos níveis pré-industriais “, disse o secretário-geral da OMM, Petteri Taalas.

Indústria
Emissões de gases afetam o meio ambiente e impactam diretamente nas mudanças climáticas / Foto: SD-Pictures/Pixabay

“Estamos muito fora do caminho”, diz Taalas

A quantidade de CO2 na atmosfera ultrapassou 400 partes por milhão em 2015 e continuou a aumentar rapidamente.

“O dióxido de carbono permanece na atmosfera por séculos e no oceano por ainda mais tempo. A última vez que a Terra experimentou uma concentração comparável de CO2 foi de 3 a 5 milhões de anos atrás, quando a temperatura estava 2-3 ° C mais alta e o nível do mar estava 10-20 metros mais alto do que agora. Mas não havia 7,8 bilhões de pessoas naquela época “, disse Taalas.

Os níveis de metano e óxido nitroso também estavam em níveis recordes, em 262% e 123%, respectivamente, dos níveis de 1750, antes que a revolução industrial começasse um processo de séculos de destruição humana da atmosfera da Terra.

“Medições de gases de efeito estufa são como derrapar em um acidente de carro. O desastre se aproxima cada vez mais, mas você não pode pará-lo”, disse Euan Nisbet, do Grupo de Gases de Efeito Estufa da Royal University, ao Science Media Center.

O diretor do Instituto de Mudanças Climáticas de Edimburgo, Dave Reay, disse que o sucesso ou fracasso da COP26 seria “escrito em nossos céus na forma de concentrações de gases de efeito estufa”.

“Este novo relatório da OMM fornece uma avaliação brutalmente franca do que foi escrito lá até agora. Até agora, é um fracasso épico”, disse ele.

“A pequena janela de oportunidade para estabilizar as concentrações de gases de efeito estufa em um nível que atenda aos Objetivos Climáticos de Paris está prestes a desaparecer.”

A COP26 foi inicialmente anunciada como uma chance única em uma geração de unir esforços globais para combater as mudanças climáticas e comprometer o mundo com fortes promessas de redução de emissões.

Mas a conferência tem estado envolta em incertezas nas últimas semanas, com vários líderes importantes ainda não confirmaram sua presença e os casos crescentes de Covid-19 no Reino Unido levantam questões sobre se o evento pode prosseguir na escala planejada.

(Este texto é uma tradução. Para ler o original, em inglês, clique aqui)

Mais Recentes da CNN