Pacientes em UTIs para Covid-19 atingem maior número em 7 semanas na França

País tem 1.409 pacientes internados em unidades de tratamento intensivo para o coronavírus, o maior número desde 30 de setembro

Nas últimas 24 horas, foram relatadas 5.266 novas infecções diárias por Covid-19 na França
Nas últimas 24 horas, foram relatadas 5.266 novas infecções diárias por Covid-19 na França Foto: Benoit Tessier/Reuters (18.mar.2020)

Zeinab Bazzida CNN*

Ouvir notícia

As autoridades de saúde da França disseram, nesta segunda-feira (22), que 67 pessoas foram internadas em unidades de tratamento intensivo para a Covid-19 nas últimas 24 horas. Agora, o total de pacientes internados em UTIs é de 1.409 – ultrapassando o limite de 1.400 pela primeira vez desde 30 de setembro.

Já o número de hospitalizados pela doença aumentou em 300 em relação ao domingo (21), o maior aumento diário desde 23 de agosto. Agora, são 8.338 pacientes.

Nas últimas 24 horas, foram relatadas 5.266 novas infecções diárias por Covid-19. Essa nova escalada de casos no país foi definida como uma onda “desenfreada” pelo porta-voz do governo francês, Gabriel Attal.

Ao contrário de alguns de seus vizinhos europeus, a França ainda não anunciou novas medidas restritivas para conter a doença, com alguns especialistas dizendo que a nova onda pode atingir seu pico no país perto do Natal.

Agora, a França acumula um total de 7,42 milhões casos confirmados da doença desde o começo da pandemia.

O país também registrou 97 novas mortes diárias causadas pela Covid-19 — o maior número desde 21 de setembro — levando o total de óbitos pela doença para 118.540.

Segundo dados da plataforma Our World in Data, a França já vacinou totalmente 69% da população.

* Com informações da Reuters

Mais Recentes da CNN