Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Putin chama situação na cidade ucraniana de Bucha de falsa

    Presidente russo comparou as alegações da Ucrânia com suposta encenação do Ocidente de um ataque com armas químicas na Síria

    Presidente russo, Vladimir Putin
    Presidente russo, Vladimir Putin Foto:Sputnik/Mikhail Klimentyev/Kremlin via Reuters

    da Reuters

    O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta terça-feira (12) que fotos e imagens de cadáveres espalhados pela cidade ucraniana de Bucha eram falsas.

    Em entrevista coletiva televisionada após conversas com o presidente bielorrusso, Alexander Lukashenko, Putin comparou as alegações ucranianas de que militares russos executaram civis em Bucha ao que ele disse ter sido encenação pelo Ocidente de um ataque com armas químicas na Síria com o objetivo de incriminar Bashar al-Assad.

    “É o mesmo tipo de falsificação em Bucha”, disse o líder russo.

    A Ucrânia acusou os militares russos de executar moradores de Bucha, uma cidade perto da capital Kiev que as tropas russas ocuparam por várias semanas antes de se retirarem. Os países ocidentais pediram que os responsáveis ​​pelos assassinatos de civis sejam punidos.

    Autoridades russas acusaram a Ucrânia de encenar a imagem angustiante para atrapalhar as negociações de paz e levar o Ocidente a impor mais sanções contra Moscou.

    A Rússia enviou dezenas de milhares de soldados para a Ucrânia em 24 de fevereiro, no que chamou de “operação especial” para reduzir a capacidade militar do país vizinho e erradicar pessoas que chamou de nacionalistas perigosos.

    As forças ucranianas montaram forte resistência e o Ocidente impôs sanções abrangentes em um esforço para forçar a Rússia a retirar suas forças.