Teatro em Mariupol onde centenas se refugiavam é bombardeado, diz Câmara Municipal

Número de vítimas é desconhecido; dados preliminares indicam que mais de 1000 pessoas estavam abrigadas no local

Teatro Dramático de Mariupol
Teatro Dramático de Mariupol Divulgação/Câmara Municipal de Mariupol

Tim ListerOlga Voitovychda CNN

Ouvir notícia

A Câmara Municipal de Mariupol postou uma imagem do teatro da cidade ucraniana – onde centenas de pessoas estariam abrigadas – depois de ter sofrido pesados danos numa quarta-feira de bombardeamentos.

A CNN geolocalizou a imagem e confirmou que é do teatro. Os vídeos mostraram um incêndio nas ruínas do edifício.

A Câmara Municipal disse que as forças russas tinham “destruído de propósito e cinicamente o Teatro Dramático no coração de Mariupol. O avião lançou uma bomba sobre um edifício onde centenas de pacíficos residentes de Mariupol estavam escondidos“.

O conselho acrescentou no seu canal do Telegram: “Ainda é impossível estimar a escala deste ato horrendo e desumano, porque a cidade continua bombardeando áreas residenciais. Sabe-se que após o atentado, a parte central do Teatro Dramático foi destruída, e a entrada do abrigo antibombas no edifício foi destruída”.

Dizia-se que os números de baixas ainda estavam sendo confirmados.

“É impossível encontrar palavras que possam descrever o nível de crueldade e cinismo com que os ocupantes russos estão destruindo a população civil da cidade ucraniana junto ao mar. As mulheres, as crianças e os idosos permanecem na mira do inimigo. Estas são pessoas completamente desarmadas e pacíficas”, afirmou.

“Nunca perdoaremos e nunca esqueceremos”, acrescentou.

Separadamente, Petro Andriushchenko, um conselheiro do presidente da câmara de Mariupol, disse que o abrigo do teatro era “o maior em número e tamanho no centro da cidade”.

“De acordo com dados preliminares, mais de 1.000 pessoas estavam ali escondidas. O número de mortos e feridos é desconhecido. A probabilidade de chegar lá para desmontar os escombros é baixa, devido aos constantes bombardeamentos da cidade”, disse ele.

O Ministério da Defesa da Rússia nega que tenha realizado ataque aéreo contra o teatro.

Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

versão original

Mais Recentes da CNN