Tiroteio em Corpo de Bombeiros na Califórnia deixa feridos

Uma pessoa que estava em um veículo próximo ao Corpo de Bombeiros foi detida, mas ainda não se sabe se essa pessoa é suspeita de participar do tiroteio

Tiroteio em Corpo de Bombeiros ocorreu em Agua Dulce, no distrito de Los Angeles, na Califórnia
Tiroteio em Corpo de Bombeiros ocorreu em Agua Dulce, no distrito de Los Angeles, na Califórnia Foto: Reprodução/KABC-TV

Amir Vera Cheri Mossburg e Stella Chan, da CNN

Ouvir notícia

Pelo menos uma pessoa foi ferida em um tiroteio registrado no Corpo de Bombeiros de Agua Dulce, na Califórnia, conforme informou à CNN a deputada Michelle Sanchez, do condado de Los Angeles, nesta terça-feira (1º). 

Segundo a deputada, ainda não está claro se há mais vítimas. 

Uma pessoa que estava em um veículo próximo ao Corpo de Bombeiros foi detida, mas ainda não se sabe se essa pessoa é suspeita de participar do tiroteio. 

Agua Dulce fica no Vale de Santa Clarita, a cerca de 48 quilômetros ao norte do centro de Los Angeles.

No Twitter, o Departamento de Bombeiros do Condado de Los Angeles confirmou o ocorrido. 

“É com o coração pesado que o Departamento de Bombeiros do Condado de Los Angeles confirma que um trágico tiroteio ocorreu aproximadamente às 10h55 de hoje, no corpo de bombeiros 81, em Agua Dulce. O departamento ainda está processando juntando informações adicionais, e também está cooperando com as autoridades. Divulgaremos novas informações quando elas estiverem disponíveis”, tuitou a corporação. 

Local do tiroteio registrado nesta terça-feira (1º), próximo a Los Angeles
Local do tiroteio registrado nesta terça-feira (1º), próximo a Los Angeles, na Califórnia
Foto: Reprodução/Google Maps

Após o tiroteio, as autoridades invadiram uma casa que fica a cerca de 16 quilômetros de distância do Corpo de Bombeiros, na região Acton, ainda no Condado de Los Angeles. A casa explodiu em chamas. Acredita-se que o fogo esteja relacionado ao tiroteio. 

Membros da SWAT de Los Angeles foram vistos entrando na casa em chamas a partir de um helicóptero, de acordo com imagens aéreas da afiliada da CNN na região, a emissora KABC-TV. 

Segundo autoridades locais, os membros da SWAT investigavam um ataque com suspeita de uso de arma letal. 

*Em atualização

Mais Recentes da CNN