Prime Time

seg - sex

Apresentação

Ao vivo

A seguir

    Tornados e tempestades causam devastação e deixam ao menos 32 mortos nos EUA

    Arkansas, Indiana, Alabama, Mississippi, Tennessee e Illinois são os estados com mortes confirmadas

    Destruição após tornado na região central dos Estados Unidos
    Destruição após tornado na região central dos Estados Unidos Jahi Chikwendiu/The Washington Post via Getty Images

    Da CNN

    Pelo menos 32 pessoas morreram nos Estados Unidos devido a tempestades e tornados devastadores que atingiram o Sul e o Centro-Oeste do país de sexta-feira (31) ao início deste sábado (1º).

    No estado de Arkansas, fortemente atingido por tornados, cinco pessoas morreram e 50 estão hospitalizadas. 

    Quase 300 mil pessoas estão sem energia na noite de sexta-feira (31) na região central do país, de acordo com o rastreador PowerOutage.us.

    Illinois tem o maior número de interrupções relatadas com mais de 100 mil clientes sem energia, seguido por quase 69.000 interrupções em Arkansas, mostra o rastreador. O estado teve quatro mortes confirmadas.

    Informações preliminares mostram que pelo menos 50 tornados foram relatados em Illinois, oito em Iowa, quatro no Tennessee, cinco em Wisconsin e alguns no Mississippi.

    No Arkansas, pelo menos uma dúzia de tornados foram relatados, inclusive na área de Little Rock. Os tornados naquele estado deixaram as casas quase niveladas e as estradas foram cobertas com o que antes eram telhados e paredes de edifícios.

    William Williams, que afirmou à CNN ser funcionário de um supermercado Kroger em Little Rock, disse que está “grato por estar vivo” depois que um tornado atingiu a área enquanto ele trabalhava na tarde de sexta-feira (31).

    Ele se abrigou dentro da loja e saiu depois para ver as pessoas feridas, incluindo uma mulher que ele disse ter um ferimento grave na perna.

    “Tudo aconteceu em cinco segundos. Veio – boom”, disse Williams à CNN. “Você podia ouvir muita comoção e outras coisas. Eu saio e é uma loucura. As pessoas tinham sangue por todo o rosto. Estou apenas agradecido por estar vivo”, completou.

    Cerca de 160 km a leste de Little Rock, a cidade de Wynne foi “basicamente cortada pela metade por danos de leste a oeste”, disse a prefeita Jennifer Hobbs à CNN, na noite de sexta-feira.

    “Ainda estamos em modo de triagem”, disse Hobbs, acrescentando que as equipes estavam tentando determinar a gravidade dos danos e possíveis ferimentos.

    No norte de Illinois, mais de 200 pessoas estavam dentro do Apollo Theatre, na cidade de Belvidere, quando seu telhado desabou na noite de sexta-feira, deixando uma pessoa morta e dezenas de feridos, disse o chefe dos bombeiros da cidade.

    O colapso ocorreu quando uma linha de tempestades com ventos de 80 km/h e granizo se moveu pela área, de acordo com autoridades e o Serviço Nacional de Meteorologia.

    Não ficou imediatamente claro se a tempestade causou o desmoronamento do teto do teatro.

    Vinte e oito pessoas foram levadas para hospitais como resultado do colapso, disse o chefe dos bombeiros de Belvidere, Shawn Schadle.

    As fortes tempestades de sexta-feira ocorreram uma semana depois que o mau tempo atingiu o sudeste e matou pelo menos 26 pessoas.

    Um tornado noturno, que torna as pessoas mais propensas a danos extensos, nivelou grande parte de Rolling Fork, Mississippi, onde ventos máximos estimados de 273 km/h rugiram.

    Mais tornados podem estar a caminho

    Tornados ainda podem acontecer no sudeste de Indiana, oeste de Ohio e norte de Kentucky na manhã deste sábado (1º), de acordo com o Storm Prediction Center.

    A área, que inclui as cidades de Dayton e Cincinnati, estava sob vigilância de um tornado que alertou sobre rajadas de vento de até 112 km/h, junto com granizo.

    Neste sábado, cerca de 55 milhões de pessoas estão sob um leve risco de mau tempo – um nível 2 de 5 – em partes do vale de Ohio, nordeste, incluindo Nova York e Filadélfia, e partes do sudeste, de acordo com o Centro de Previsão de Tempestades.

    Tempestades fortes a severas podem ocorrer nessas áreas, e granizo e poucos tornados são possíveis, disse o centro.

    Na sexta-feira, o granizo provou ser perigoso quando bombardeou o norte de Illinois, rachando e amassando os para-brisas dos carros, de acordo com uma postagem no Facebook da Fulton County Emergency Services and Disaster Agency.

    Cerca de 125 km a sudeste de lá, várias empresas foram “basicamente destruídas”, disse o xerife Jack Campbell à CNN, e até 40 casas foram danificadas em torno de Sherman, a menos de 16 km ao norte de Springfield.

    Quase 300 mil residências e empresas ficaram no escuro no início do sábado em Indiana, Illinois, Arkansas e Tennessee, com cerca de um terço das interrupções relatadas em Indiana, de acordo com o site de rastreamento PowerOutage.us.

    No Arkansas, a governadora Sarah Huckabee Sanders declarou estado de emergência, observando que o estado “não poupará recursos” para responder e se recuperar da tempestade e ativou a Guarda Nacional do estado.

    Este conteúdo foi criado originalmente em inglês.

    versão original