Turquia aprova uso emergencial da Coronavac; vacinação começa na quinta

Profissionais de saúde devem ser vacinados com prioridade; país comprou 50 milhões de doses da Sinovac

Reuters

Ouvir notícia

 

A Agência de Medicamentos e Dispositivos Médicos da Turquia concedeu autorização de uso emergencial para a vacina chinesa da Sinovac contra o coronavírus (Coronavac), informou a agência de notícias estatal Anadolu nesta quarta-feira (13).

Esta semana, o presidente Tayyip Erdogan disse que a vacinação deve começar entre quinta (14) ou sexta-feira (15), depois de a Turquia receber 3 milhões das 50 milhões de doses compradas do Coronavac da Sinovac.

 

Segundo o ministro da Saúde, Fahrettin Koca, a vacinação deve começar por profissionais de saúde.

A Indonésia também iniciou a vacinação com a Coronavac. O presidente do país, Joko Widodo, se tornou a primeira pessoa a receber o imunizante chinês.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) realiza análise dos dados fornecidos pelo Instituto Butantan para decidir sobre o pedido de aprovação de uso emergencial.

A eficácia global do imunizante é de 50,38%.

 

Mais Recentes da CNN