Ministro da Educação, Milton Ribeiro anuncia ter contraído Covid-19

Segundo publicação nas redes sociais, ele despachará remotamente

Anna Satie e Igor Gadelha, da CNN em São Paulo e Brasília
20 de julho de 2020 às 14:28 | Atualizado 20 de julho de 2020 às 16:07

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, anunciou nesta segunda-feira (20) ter sido diagnosticado com a Covid-19. Ele foi empossado no cargo há menos de uma semana. 

"Já estou medicado e despacharei remotamente", escreveu ele em seu perfil do Twitter. A assessoria do ministro confirmou à CNN que ele está trabalhando do hotel onde está hospedado em Brasília.

Em 10 de julho, Ribeiro publicou uma foto ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que havia testado positivo para o novo coronavírus alguns dias antes.

Alguns políticos que tiveram contato com Ribeiro nos últimos dias decidiram também fazer o teste para Covid-19, após o resultado do ministro. Entre eles, Gustavo Rocha, secretário da Casa Civil do Distrito Federal e membro da comissão de Ética Pública da Presidência da República. 

Rocha esteve na posse de Ribeiro no Palácio do Planalto na última quinta-feira (16), quando chegou até a abraçar o ministro. Os dois se conhecem da Comissão de Ética Pública -- o ministro também era membro do colegiado antes de assumir o comando do MEC. O teste rápido do secretário deu negativo.

Leia também:

Testes de ministros da Defesa e da Secretaria-Geral para Covid-19 dão negativo

Quem esteve com Bolsonaro 3 dias antes de sintomas deve fazer teste, diz médico

Mais cedo, o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, também afirmou ter contraído a doença.

Ribeiro é o quarto ministro a pegar a doença. Em março, Augusto Heleno e Bento Albuquerque, titulares do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) e de Minas e Energia, respectivamente, foram infectados em uma viagem presidencial aos Estados Unidos.