Chuvas fortes deixam capital paulista em estado de atenção e provocam alagamento

Vias importantes como a Av. do Estado e a Av. Vinte e Três de Maio ficaram alagadas

Luana Franzão*, da CNN, em São Paulo
25 de outubro de 2020 às 12:24 | Atualizado 25 de outubro de 2020 às 15:06

 

As chuvas fortes que acometem a capital paulista neste domingo (25) causaram o acionamento de estado de atenção para alagamentos em regiões da cidade.

O estado foi acionado a partir das 11h no Centro, Zona Oeste, Sudeste e Sul, e também nas áreas próximas às Marginais Tietê e Pinheiros.

Alagamentos foram registrados na Avenida Vinte e Três de Maio, em ambos os sentidos, na Rua Presidente Batista Pereira, em ambos os sentidos e na Avenida do Estado, que foi totalmente alagada.

A Praça das Bandeiras e a radial Leste, sentido Bairro, Vd Guadalajara também ficaram intransitáveis e houve bloqueio no Túnel Anhangabaú. O Vd. General Euclides de Figueiredo, na área da Vila Mariana, também foi bloqueado.

A sub-prefetura está realizando a limpeza do Túnel Anhamgabaú, mas a via permanece bloqueada.

O aeroporto de Congonhas também foi afetado e está operando por instrumentos.

Na manhã do domingo também foi registrada chuva com granizo na Bela Vista, região central de São Paulo.

O levantamento da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) aponta que até às 14h, a cidade tinha 16 semáforos apagados por conta de falha no equipamento, 13 semáforos apagados devido à furto, 1 semáforo em amarelo intermitende devido a furto e 11 semáforos em amarelo intermitente. O órgão também informou que foram realizadas 42 manutenções em semáforos no domingo, entre a meia-noite e às 14 h.


 

Leia também:
Com chuvas, média de queimadas diárias do Pantanal cai 71,8%
Grande São Paulo tem alerta para temporal e ventos fortes neste sábado

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) estão atualizando os dados sobre os riscos.

As chuvas devem continuar ao longo do dia e o alerta também se extende à região da Grande São Paulo.

A previsão metereológica é de que as chuvas continuem durante a semana, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

O CGE recomenda que, em caso de alagamento, as pessoas evitem transitar em ruas com água acumulada, jamais tentem enfrentar correntezas, e permaneçam em local seguro, como casas e prédio, longe da rede elétrica.

*sob supervisão de Marcio Tumen Pinheiro