Governo de SP analisa toque de recolher a partir das 22h em todo o estado

O estado enfrenta uma escalada no número de casos e de internações por Covid-19. Nunca tantos paulistas estiveram em UTIs como hoje desde o início da pandemia

Daniela Lima e Tainá Falcão, da CNN, em São Paulo
23 de fevereiro de 2021 às 18:52
Governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em entrevista para a CNN (13.mai.202
Foto: CNN Brasil

O governo de São Paulo analisa, neste momento, a viabilidade jurídica da decretação de toque de recolher em todo o estado, entre 22h e 5h.

As últimas consultas estão em andamento. A decisão a ser tomada será anunciada nesta quarta-feira (24), pelo governador João Doria e pelos os integrantes do centro de contingência de combate à Covid-19.

Secretários de Saúde de municípios do estado temem que a medida se torne inócua em cidades muito populosas, como é o caso da região metropolitana de São Paulo.

O estado enfrenta uma escalada no número de casos e de internações por Covid-19. Nunca tantos paulistas estiveram em UTIs como hoje, desde o início da pandemia.

A recomendação será para todo estado, mas governo pode optar pela determinação apenas em regiões com piores índices. 

Caso a medida seja decretada, bares, restaurantes e comércio serão fechados. Apenas serviços essenciais funcionarão.