Feriado para conter Covid-19 tem movimento baixo nas estradas de SP

A manhã de sábado (27) começou tranquila nas principais estradas que ligam São Paulo ao litoral do estado

Matheus Prado, da CNN, em São Paulo
27 de março de 2021 às 09:14
SP 055
Rodovia Cônego Domênico Rangoni, a SP 055, na altura de Boracéia
Foto: DER-SP

A manhã de sábado (27) começou tranquila nas principais estradas que ligam São Paulo ao litoral do estado.

Segundo boletim do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-SP), publicado pouco antes das 9h, a SP 055 (que liga o litoral Sul ao Norte), a SP 098 (entre Mogi e Bertioga), a SP 123 (entre Taubaté e Campos do Jordão), a SP 125 (de Taubaté para Ubatuba) e a SP 270 (entre a capital e Cotia) tinham tráfego normal nos dois sentidos.

O Sistema Anchieta-Imigrantes, que liga São Paulo ao litoral Sul, também registrava movimento normal. Para evitar lotação nas cidades do litoral, os nove prefeitos das cidades da Baixada Santista (Praia Grande, Santos, Bertioga, Guarujá, Peruíbe, São Vicente, Mongaguá, Itanhaém e Cubatão) decretaram lockdown que começou na terça-feira (23).

A Rodovia dos Tamoios (SP 099), que liga São José dos Campos a Caraguatatuba, era outra com movimento normal.

Começou na sexta-feira (25) a antecipação de feriados na cidade de São Paulo e no estado do Rio de Janeiro, que irá até o dia 4 de abril (Domingo de Páscoa). O “megaferiado”, como foi apelidado, durará dez dias e tem como objetivo diminuir a circulação de pessoas, e com isso, evitar um agravamento da pandemia da Covid-19.

Em ambos os casos, as medidas vêm acompanhadas de outras restrições, como toques de recolher e fechamento do comércio. Os feriados antecipados em São Paulo foram os de Corpus Christi de 2021 e 2022, da Consciência Negra de 2021 e 2022 e o aniversário da cidade em 2022 (25 de janeiro).